SEGUNDA 24/05
Bento vê a foto do neto, entregue por Egídio, e morre em seguida. Roberta relembra do homem de sua vida, parecido com Sergio, na aparência e no jeito de ser. Roberta confessa a Alabá que seu amor o trocou por outra mulher, que nunca mais viu. Roberta comenta que ele e a tal “mulherzinha” abandonaram o teatro. Conversando com Serafina, Sergio concorda com Roberta, que diz que Serafina só será bonita se ela acreditar. Serafina planeja contar a verdade para Mr. Smith. Pepa assusta Joãozinho, que a confunde com um fantasma. Dadi ensina Frazão a fazer sopa fria servida na taça. Zequias exige que Egídio mostre a foto de Bento. Egídio nega e alega que Zequias não é parente para exigir nada. Zequias tenta agredir Egídio. Os dois começam uma briga no meio da rua, próximo ao velório de Bento. O padre aparta a briga. Egídio volta para o hotel e Zequias explica ao padre que Egídio não presta, desde os tempos em que morava em Pacatuba, há 18 anos. João começa a procurar o tesouro. Nara convida Antoninho para sair. Nara pergunta sobre Serafina e sua família, e depois tenta seduzir Antoninho. Bento flagra a mãe em clima íntimo com o advogado. Catarina diz para Amália que Serafina está mais “senhora de si”, com outra atitude. Afrânio reclama da prefeitura com o “ladrão maníaco” de Claude. Pimpinoni repreende o garçom. Egídio mente para o padre e a Zequias. Egídio afirma que Bentinho morreu quando era garoto. Serafina procura Mr. Smith. Beto diz para Elisa que irá tirar satisfação com Nara sobre tudo. Serafina diz para Mr. Smith que precisa contar-lhe algo que a deixa agoniada há semanas. Pronta para revelar a verdade, Serafina prepara-se para desabafar.

TERÇA 25/05
Serafina confessa aos Smith que casou com Claude, mas por amor. Serafina pede para o casal não responsabilizar Claude por seu comportamento. Egídio pede para o padre enviar as cartas para a sua caixa postal em São Paulo. Dádi chega ao cortiço para pegar Serafina, Sergio pede para aguardar, porque ela foi resolver um “probleminha”. Joãozinho fala para Miriam que sonhou com o baú do tesouro. Joãozinho comenta com a irmã que precisa conversar com alguém sobre a história do casarão. Giovani fala para Amália que não quer sair do casarão. Giovani diz para a esposa que se sente doente, triste. Amália responde e diz que ele pode estar deprimido. Serafina afirma que começou a gostar de Claude no escritório e que não casou para ajudar o francês a permanecer no país. Serafina diz que prefere morrer a dar desgosto ao marido. Os Smith ficam admirados. O casal acredita na versão de Serafina, compreende a situação e promete ajudá-la. Serafina fica feliz com a reação dos americanos e sai. Fascinada, Mrs. Smith fica satisfeita com a esposa de Claude. Elisa avisa Nara que Beto fugiu de casa. Raquel comenta com a mãe que está intrigada com o mistério da viagem de Egídio. O cineasta Hugo, irmão gêmeo de Antoninho, visita Roberta Vermont. Hugo propõe, com sotaque espanhol, a Roberta começar a rodar o filme em 40 dias. Roberta comenta com Hugo que um advogado, que esteve na casa dela recentemente, é muito parecido com ele. Roberta diz que a semelhança entre Hugo e Antoninho é impressionante. Para Roberta, só o cabelo, o jeito, o sotaque e o país mudam. Roberta afirma que seria possível afirmar que um sósia ou irmão gêmeo. Hugo fica gamado com o charme de Roberta. Catarina pede para Serafina não esquecer de convidar Claude para o jantar. Joãozinho pergunta para Giovani se ele já ouviu falar de um escravo velho que morreu no cortiço. Giovani sorri com o menino. Dádi deixa Sergio e Serafina na casa de Roberta. Desajeitada, Dádi breca o carro. Os dois descem rapidamente e riem da situação. Dádi confirma que ainda não sabe dirigir direito. Antoninho pergunta para a mãe se ela sabe por que Serafina reatou com Claude. Catarina não sabe responder, mas afirma que Terezinha só casa com Milton se Claude entrar para a família. Terezinha diz para Milton que vai organizar o casamento. Giovani conta para Joãozinho e Miriam que o casarão foi construído por um barão muito rico no final do século 19. Amália informa que a construção foi erguida em 1887. Giovani informa que o dono do casarão tinha muitos escravos e maltratava todos eles. Alabá repara na semelhança de Hugo e Antoninho. Hugo diz que espera que Antoninho tenha boa aparência. Roberta pede para Hugo conseguir um papel para Sergio no filme. Serafina fala de Joana, mãe de Sergio, para Roberta. Sergio pede para Serafina não falar de Joana. Roberta pergunta qual é o nome artístico da mãe de Sergio.

QUARTA 26/05
Roberta comenta com Serafina que conheceu uma atriz chamada Joana Camargo, cujo nome artístico era Suzana Goulart. Sergio faz um gesto de “silêncio” para Serafina, sem que Roberta perceba. Roberta treina a postura de Serafina. Claude se preocupa com o vexame que Rosa pode dar. Serafina começa a caminhar com classe, como uma modelo. Joãozinho conta para Giovani que já sabia da história do barão, e conta que ele mandou o ex-escravo enterrar o tesouro, uma joia, e depois envenenou o coitado. Joãozinho ressalta que o tesouro está escondido até hoje. Miriam lamenta a atitude do irmão e afirma que ele está bitolado. Amália conta para Joãozinho que deu um baú cheio de “cacareco” para Pimpinoni. Joãozinho diz que vai procurar Pimpinoni. Milton pede para Terezinha tomar cuidado com quem vai cuidar do casamento. Irritada, Terezinha afirma que vai convidar todos os amigos do cortiço. Mrs. Smith lembra o marido que ele era pobre e ela rica quando se conheceram. Mrs. Smith afirma para o gringo que se apaixonou por ele do mesmo jeito, independente da classe social. Mrs. Smith afirma que Serafina tem caráter e é isso que importa. Para Mrs. Smith, o dinheiro está em segundo plano. Nara conta para Raquel que Claude casou com Serafina para conseguir o visto de permanência no país. Nara conta a Raquel que não será apresentada ao casal Smith como esposa dele. Nara diz a Raquel que Claude prometeu se divorciar de Serafina em três meses, para depois casar com ela. Nara explica que Antoninho conhece a família Petroni e virou seu informante. Nara salienta que não pode romper com Claude, pois Egídio está envolvido nos negócios dele. Raquel oferece ajuda a mãe. Joãozinho conta para Giovani que já viu um disco voador no céu, em cima do cortiço. Giovani diz que é difícil acreditar em marciano. Joãozinho conta que já viu até lobisomem. Giovani diz que era Afrânio. Giovani sussurra para Amália que o menino está inventando coisas. Joana tropeça e deixa cair pratos no chão do pátio do cortiço. Pimpinoni pede para Afrânio limpar os cacos e leva a costureira para casa. Pimpinoni pergunta se sua preocupação é Roberta Vermont. Pimpinoni conta que viu na sala Odeon, há 27 anos atrás, duas atrizes na peça Inimigos Íntimos. Uma era a mais velha e tarimbada, Suzana Goulart. A outra era a principiante, Roberta Vermont. Pimpinoni revela que trabalhava na companhia de teatro Burlesco no mesmo teatro. Joana pede que Pimpinoni não fale a ninguém que Roberta foi sua amiga. Sergio lê o roteiro de Hugo para Roberta, e se empolga com o papel de galã. Alabá pede para o rapaz não se iludir. Antoninho investiga Serafina e procura Pimpinoni. Ao contrário do que Antoninho pensava, Pimpinoni diz a ele que Serafina reatou com Claude porque gosta do francês. Roberta promete a Rosa dar um jeito em seu cabelo. Roberta sugere que Rosa adote um outro nome. Roberta adota o nome de Serafina Rosa em inglês, Rose. Roberta batiza Serafina Rosa de Rose Geraldy. Serafina sorri feliz. Ela repete para si mesma “Senhora Geraldy” várias vezes e adquire, sem perceber, um certo charme.

QUINTA 27/05
Joãozinho conta para Giovani que tem um fantasma morando no cortiço. Joãozinho pede para Giovani e Amália guardar segredo sobre o fantasma. Pimpinoni conversa com Antoninho sobre a ação de despejo. Antoninho avisa que a ação deve chegar em breve. Antoninho sugere que os moradores pensem para onde ir. Joãozinho não conta sobre o tesouro para Antoninho, porque não confia em político. Alabá ensina Serafina a segurar uma xícara de café e uma taça de vinho. Claude chega na porta da casa de Roberta, Serafina vai retocar a maquiagem, no quarto. Roberta revela para Claude que convidou o “namoradinho de Serafina”, Sergio, para fazer um filme, e assim agradá-lo. Serafina ouve e fica irritada. Antoninho pergunta a Giovani se o casamento de Serafina será anulado. Giovani pede para esperar e ver se a filha e Claude se acertam. Para Giovani, dinheiro não interessa. Alabá segura Serafina e a impede de fazer um barraco na sala. Roberta elogia Sergio e diz que ele tem muito talento. Roberta enaltece as capacidades de Serafina e diz que acredita nela. Serafina se surpreende. Serafina se recusa a cumprimentar o marido com charme, dizendo “encantada”. Claude e Serafina discutem. Roberta pede que os dois parem com a briga conjugal. Claude reclama da forma de expressão de Roberta. A atriz afirma que em briga de homem e mulher não mete a colher. Alzira diz a Nara e Ninica que está se sentindo melhor depois que começou a tomar antidepressivo. Nara agradece, porque estava cansada de ver Alzira se sentindo feia, gorda, chata. Nara avisa às amigas que não será apresentada como esposa de Claude. Nara conta que outra mulher será apresentada aos americanos, aquela que está casada no papel com Claude. Nara avisa que os papéis do seu casamento com Claude no exterior estão prontos, falta apenas o divórcio de Claude com essa outra “mulher vinda de um cortiço”. Mrs. Smith sente pena de Serafina, por ter casado num hospital para agilizar o processo do casamento com Claude. Mrs. Smith manda o marido comprar livros de etiqueta e boas maneiras para Serafina. Submisso, Mr. Smith vai às ruas para achar os livros que a mulher pediu. Nara afirma a Raquel que vai se vingar de Claude. Raquel diz que faria o mesmo no lugar dela. Nara anuncia que vai à casa de Roberta flagrar Serafina sendo preparada. No caminho para São Paulo, Egídio se sente feliz por se livrar de Bento. Para Egídio, o próximo passo é tomar o dinheiro de Claude. Enquanto Serafina treina o discurso do jantar com Roberta, Claude e Frazão, toca a campainha. Nara aparece na porta e anuncia que quer ver Claude.

SEXTA 28/05
Serafina se esconde de Nara no quarto de Roberta. Claude fala para Nara que ele e Frazão estavam conversando sobre cinema com Roberta e Alabá. Mr. Smith chega no hotel exausto, com uma pilha de livros de etiqueta e boas maneiras. Mrs. Smith planeja fazer uma surpresa para Rosa, na casa de Claude. A empregada de Roberta pergunta sobre a outra moça que estava na casa. Roberta dá a desculpa de que trata-se da Dádi. Nara pede para ver o quarto de Roberta. Alabá entra no corredor e indica que é a segunda porta, Serafina ouve e se esconde. Alabá distrai Nara e Serafina foge do quarto. Frazão lembra da briga de botequim, entre Serafina e um malandro, e ressalta que Nara sofreria num atrito com a ex-secretária. Dádi leva Serafina, de aparência nova, para casa. Alabá esconde o vestido simples de Serafina para Nara não ver. Catarina avisa Amália para aconselhar Serafina a ficar de olho em Claude e não perdê-lo para outro. Amália não acredita no que ouve. Nara revira todos os vestidos de Roberta, mas não acha a roupa de Serafina, que viu de relance em cima da cama, quando entrou no quarto. Pepa arrebenta o cadeado do baú do barão. Pimpinoni e Joãozinho acham um livro velho, escrito com caligrafia de pena. Sergio pergunta sobre Rose. Alabá responde que ela teve algo muito importante para resolver. Nara fala para Roberta que Serafina vai cometer tantas gafes que vai espantar os americanos. Sergio repreende Roberta e diz que ela não pode se divertir com a incapacidade dos outros. Sergio lamenta que ela julgue as pessoas pela aparência. Pimpinoni acha uma ampulheta, uma luneta, um rei de ouros de um baralho e um espelho antigo. Pimpinoni imagina que o barão era solitário e amargo, e tinha uma mulher vaidosa. Pepa tira do baú moedas antigas. Joãozinho pede para ficar com os objetos e o livro. Dádi deixa Serafina no cortiço. Pepa flagra Serafina de vestido novo e peruca. Afrânio alerta que Serafina deve entrar logo em casa, para o povo do cortiço não falar mal dela. Pepa comenta que gente de família não se veste daquele jeito. Joana elogia a aparência de Serafina. Joana ressalta a Serafina que não quer que Roberta descubra que deixou os palcos, virou costureira e mora num cortiço. Catarina pede para Serafina ouvir o que Amália tem a dizer. Pepa diz a Afrânio que hoje em dia ninguém tem vergonha na casa. Serafina se irrita e entra no casarão. Pimpinoni lembra Joana que tudo que Roberta sabe sobre moda e etiqueta aprendeu com a costureira e ex-atriz. Pimpinoni relembra Joana que Roberta era mais nova e tenta imitar a amiga da época, Suzana Goulart. Pimpinoni teme que Roberta e Claude estraguem Serafina. Serafina se prepara para entrar na sala e pensa: “Seja o que Deus quiser”. Apreensiva, Serafina se benze, para enfrentar a reação da família.

SÁBADO 29/05
Milton e Antoninho conversam sobre o casamento. Antoninho convida o irmão para sair, mas Milton fala que tem provas no colégio. Claude diz a Frazão que não vê a hora de se livrar do casamento. Amália vê Serafina entrar em casa. Dádi avisa Claude que autorizou a entrada do casal Smith no prédio. Misses Smith avisa está ali no apartamento de Claude para visitar a ele e sua esposa. Claude se assusta e fica paralisado. Misses Smith pergunta de Serafina Rosa. O francês diz que ela saiu, mas volta já. Amália se surpreende com peruca e maquiagem de Serafina. Dino diz que ela parece mulher das capas de revistas masculinas. Amália repreeende Dino. Pepa insinua para Catarina que o casamento de Claude e Serafina é de mentira. Catarina desconfia de que casamento serviu para Claude tirar visto de permanência no país. Catarina avisa Pepa que Milton não casa com Terezinha se o casamento de Serafina for só de aparência. Catarina fica furiosa. Elisa e Raquel ficam preocupadas com o sumiço de Beto. Frazão lembra Dádi de buscar Serafina. O casal Smith conta que tiveram a ideia de vir ao Brasil depois da ligação de Rosa, que perguntou sobre os negócios com Claude a pedido do francês. Misses Smith pergunta se Claude está feliz com o casamento. Ele responde que sim. Claude afirma ao casal Smith que se apaixonou por Serafina e acertou ao casar com ela. Misses Smith avisa que tem profunso desprezo por pessoas movidas por interesse. Claude fica sem jeito. Sergio elogia Serafina e diz que todos no Bixiga gostam dela. Roberta fica encantada com o modo que Sergio fala da “namoradinha”. Sergio sorri sem graça, mas não desmente que é namorado de Serafina, a pedido da amiga. Roberta orienta Sergio a cortar o cabelo e fazer a barba. Catarina resolve tirar satisfações com Giovani e descobrir a verdade sobre o casamento de Claude e Serafina. Antoninho diz para Nara que Pimpinoni, um zinho do cortiço, acha que Serafina gosta de Claude. Antoninho comenta com Nara que, na opinião dele, Serafina desistiu de anular o casamento para preservar o noivado da irmã, Terezinha. Antoninho explica que, a fim de evitar que Catarina cancele o casamento, Serafina teria continuado a fungir que é casada com Claude. Nara confessa a Antoninho que quer casar com Claude para não ser exposta ao ridículo perante a sociedade. Nara diz que a ideia dela é pedir o divórcio logo depois. Nara revela que não leva desaforo para casa. Antoninho convida Nara para sair e dançar, mas ela recusa. Nara explica que seu pai chegará de viagem e ainda é noiva de fato de Claude. Nara reafirma que quer desmoralizá-lo. Catarina pergunta a Giovani se Serafina casou só no papel. Ele e Amália negam. Catarina denuncia que Serafina chegou no cortiço com peruca e toda “pintada”. Catarina afirma que Claude e Serafina não se beijam nem se abraçam. Giovani manda Terezinha chamar a irmã. Serafina aparece, com toda a categoria que aprendeu com Roberta, sem peruca e maquiagem. Ela logo pergunta: “Qual é o problema, dona Catarina?”. Catarina, Amália e Terezinha olham furiosos para ela.

Comentários encerrados.

Parceiros