SEGUNDA 14/06 e TERÇA 15/06
Diana, enfim, é decalrada inocente. Camila, cheia de raiva, liga para Débora, que também fica furiosa. Débora, por sua vez, conta para Otávia, que diz não acreditar como Diana pode ter tanta sorte assim. Logo depois, na casa de Diana, todos comemoram e Diego aproveita o momento para pedir que Diana se case com ele o mais rápido possível. Ela sente um enjôo e desmaia. Quando se recupera um pouco, Diego insiste e Diana acaba aceitando. Então, ele sai para preparar a papelada e diz que em dois dias devem estar casados. Depois, Miguelina acolhe Diana e diz que ajudará em tudo o que ela precisar e que seu filho será sempre bem vindo na casa dela. Enquanto isso, Larry, Emilio e Maximiliano resolvem ir a um bar e se embebedam. Larry, por que não sabe se fez bem em voltar com Pilar, Emílio porque Paola o despreza e Max porque viu que estava equivocado em relação a Diana. Porém, quem está mais raivoso com toda a situação é Inácio, que a sós em casa, bebe e se lembra da juiza absolvendo Diana. Nisso, chega Camila e pega o copo de sua mão e bebe tudo. Depois, ela pede outro drink e os dois passam mal. No dia seguinte, no café da manhã, Francisco fica sabendo do casamente de Diego e Diana e tenta dissuadir seu irmão, pedindo que ele não se case, mas Diego está decidido e diz para que ele não se meta. Francisco fala com sua mãe, Lala, mas ela crê que um dia Diana venha a gostar de Diego e não faz nada. Na mansão, Débora, aos gritos, pregunta a Max por onde andou e onde passou a noite. Ele responde que bebeu e preferiu dormir no quarto de hóspedes. Ela, revoltada, diz que o motivo da bebedeira dele foi porque Diana foi declarada inocente. Bruna, por sua vez, visita Marion, pois quer estar bem com as duas irmãs. Mas Marion a chama de hipócrita e pede que Bruna nunca mais a visite. Bruna se põe a chorar e diz que gosta das duas como se fossem suas filhas. Marion, então, diz que teria vergonha de ter uma mãe assim. Otávia resolve ir até a casa de Diana e a ao chegar insulta a garota. Otávia quer saber quem é o pai da criança que ela espera e Diana responde que o pai é Maximiliano. Contudo, Diana afirma que não quer que Max saiba disso nunca. Diz que se casará com Diego e que todos pensarão que ele é o pai. Otávia concorda com a intenção de Diana e lhe dá um cheque de 50 mil dólares. Porém, Diana não aceita e rasga o cheque na frente de Otávia, que fica louca com a arrogância da garota. Por fim, Otavia diz que da parte dela, Max não saberá de nada. Paola leva Renê ao esconderijo de Francisco e diz que alí que ele guarda a mercadoria do contrabando. Francisco não gosta nenhum pouco de da presença de Renê, quando, de repente, a polícia dá uma batida surpresa e os três são obrigados a fugir. Yolanda, por sua vez, conta para Max que Paola saiu de casa e confessou ser uma drogada. Max quer ajudar a irmã e Emílio também oferece ajuda. André, com muita cara de pau, vai ao bar de Paco e Caramelo pede que ele saia, vá embora. Mas, antes, conta que amanhã Diana estará se casando. André liga para Inácio e conta a novidade, depois diz a Inácio que este casamento terminará em tragédia, pois, não esqueceu do soco que Diego lhe deu durante o julgamento. Então, Diana, dissimulando sua gravidez, diz a Diego que quer ter um filho e seu nome será Maximiliano. Ela diz que ele terá que aceitar esta decisão. Max, decidido, vai até a casa de Diana para lhe pedir perdão.

QUARTA 16/06 e QUINTA 17/06
Max chega a casa de Diana e pede que ela o perdoe. Porém, Diana, totalmente indignada, diz que ele preferiu acreditar na mentira dos outros e não no ela disse. Ela continua a jogar na cara dele todo a sua indignação e ainda conta que amanhã se casará com Diego, pois ele a valoriza. Max diz para que ela não cometa esta loucura, pois, sabe que é a ele que Diana ama. Mas, ela não cede e põe Max para correr de sua casa. Depois, sua avó e sua irmã a parabenizam pela atitude, mas Diana cai aos prantos, já que tudo foi apenas da boca para fora. Nesse meio tempo, Inácio dá dinheiro para André levar adiante seu plano de acabar com o casamento de Diana. Paola volta para casa, mas sem ser vista por sua mãe. Yolanda fala com ela e pede para ela deixe sua família ajudá-la, mas Paola não lhe dá ouvidos. Então, Yolanda fala com Renê e diz que se ele não tem problemas com as drogas, que aconselhe Paola. Renê concorda e diz que irá ajudá-la. Yolanda, então, sai e Paola e Renê ficam rindo da pobre Yolanda. Renê, o que faz é dizer para Paola deixar de lado Francisco, pois ela poderá ter problemas no futuro. Mas Paola responde que está apaixonada por ele e mesmo que ele tenha negócios perigosos, não deixará de vê-lo. Paolo liga para Francisco e pede que ele deixe o negócio de contrabando. Antes, ela admite, que até queria ajudá-lo, mas depois do susto que tiveram com a batida da polícia, não quer que Francisco continue com o contrabando de jóias. Porém, ele responde que ela o conheceu assim e que para ele é muito complicado sair desse negócio. Gaivota, por sua vez, se apresenta no bar de Paco com grande sucesso e diz que foi por ver Diana livre. Enquanto isso, Otavia vê que Max está triste e pergunta a ele porque está assim. Ele responde que o motivo é o casamento de Diana, que será amanhã. Em seguida ele comenta que a defesa de Diana foi feita por Fedora Garces, o que deixa Otávia supresa, pois, não sabia que Gaivota era advogada. Max diz que ela deve ter estudado enquanto esteve presa, já que muita gente faz isso. Otávia não gosta nada dessa união entre Diana e Fedora e decide ir falar com Gaivota. As duas se encontram e Otavia pergunta de onde conhece Diana, mas gaivota não lhe dá satisfações, limitando-se a dizer que Diana e suas irmãs são suas protegidas e que se uniram para se vingar de todo o mal que Otavia fez a ela (Fedora), a Gaby e a Diana. Em seguida, Gaivota corre com Otávia dali. Porém, quando Otávia está saindo, chega Paco e a vê de costas. Ele pergunta se ela veio ver Gaivota e deixa Otávia perplexa, pois, ela reconhece sua voz. Contudo, ela não se volta para olhá-lo, enquanto Gaivota aparece e põe para fora novamente. Maximiliano fica bêbado novamente e Débora pergunta a ele quem é a mulher que ele ama. Ele a confunde com Diana e Débora fica enraivecida. Chega o momento do casamento de Diana e Diego e todos aguardam apenas a chegada de Gaivota e Paco para que acerimônia tenha início. Nancy está triste, pois gosta de Diego, mas segue resignada. O casamento segue normalmente e Diego, muito feliz, diz para Diana que seria bom sairem em lua-de-mel por uns dias. Em seguida, ela pede que dêm uma volta do bairro e, mesmo achando estranho, ele aceita. Ao sairem, já na rua, Diego e Gaivota caminham, enquanto André, escondido num carro alugado, está a espreita. Ele coloca uma máscara, os segue por uns metros e logo pára o carro e atira em Diego pelas costas. Diana, vendo seu marido caído incosciente, percebe o atirador fugindo, enquanto todos, apavorados, gritam por ajuda.

SEXTA 18/06 e SÁBADO 19/06
Diego é levado ao hospital e o dr. de plantão é Inácio Montiel. O próprio médico se encarrega de contar a Diana que Diego será operado por ele. Diana fica insegura, mas desesperada, pede que salve a vida de Diego. Em seguida chega toda a família e Caramelo liga para a mansão com o porpósito de avisar Otávia que Lala não poderá ir ao trabalho, mas quem atende é Max. Ela lhe conta tudo e ele sai direto para o hospital. Débora pergunta onde ele vai, mas Max não responde. Enquanto isso, Bruna conta a Otávia que Paola voltou para a casa, mas está escondida no quarto. Otávia vai até lá, mas as duas discutem novamente. Otávia exige que Paola entre nos eixos e Paola diz que é rejeitada por Otávia. Então, Otávia fica perdida, pois não pode dizer, de verdade, porque nunca quiz sua filha realmente. No hospital, todos perguntam a Diana se ela conseguiu ver quem atirou em Diego, mas Francisco não pergunta nada. Ele diz que a única culpada pelo estado de seu irmão é ela, uma interesseira. Apesar disso, todos esperam notícias sobre Diego, quando o Dr. Inácio aparece e informa que Diego está inválido e não poderá andar nunca mais. A notícia é um grande baque para todos. Lala fala a Diana que Diego irá precisar dela mais do que nunca e que Diana não pode abandoná-lo. Marion, decidia a fazer alguma coisa, tenta e consegue, com muito esforço, se levantar da cadeira de rodas, mas ao ficar em pé, perde as forças e cai ao chão. Isabel a socorre e Marion diz que não aguenta mais esta situação, pois, Débora está conquistando seu marido. Inácio conta para André que Diego ficou inválido e André, muito feliz, insinua que Inácio fez de propósito. Porém, Inácio responde que é um profissional e fez de tudo para salvar o rapaz. Yolanda, vendo a situação entre Otávia e sua filha (Paola), critica Otávia por maltratar tanto a garota. Porém, Otávia, longe de se arrepender, lembra Yolanda que quando ficou grávida de Paola, quis abortá-la, mas Yolanda não permitiu que Otávia fizesse isso. Depois, recorda a Yolanda que ela não é nada naquela casa e se continuar com esse assunto a colocará no olho da rua. Max chega ao hospital, mas Gaivota não o deixa entrar e começa a contar todo o passado negro de sua mãe, mas ele não acredita em nada do que Gaivota diz. Então, ele tenta entrar novamente, mas agora é Miguelina que o impede. Diego, finalmente, volta a sí e não sente as pernas. Francisco, sem rodeios, lhe conta que está inválido e não poderá mais andar. Diego fica desesperado e fora de controle. Diz que prefere a morte a ficar inválido. Já na mansão, Otávia e Débora ficam contentes com a notícia terrível sobre Diego. Larry, alheio aos problemas, só pensa em Gaby e conta isso para Renê. Ele diz a Larry que, sem perceber, Larry se apaixonou pela garota. De volta a mansão, Max corre tirar satisfações com sua mãe e pergunta se é verdade o que Gaivota lhe contou, que ela (Otávia) é uma ladra e que tudo o que tem, na verdade, pertence a Gaivota.

Comentários encerrados.

Parceiros