SEGUNDA 30/08
Amador e Débora são sepultados em clima de comoção e revolta. Teresa, no cemitério, proíbe o filho de falar com Clara e acusa a mãe dela de ser a responsável pela morte de seu marido. Padre Antonio entrega a Paulo o amuleto que seu pai carregava no peito e depois critica a irmã por proibir o filho de ver os amigos. Miguel tenta consolar Fausto. Depois conversa com Raquel e insinua que ela era a mante de Amador. Teresa decide cancelar o contrato de Fausto com a Usina. Agenor chantageia Raquel e exige muito dinheiro em troca de seu silêncio.

TERÇA 31/08
Raquel entra no quarto de Fausto, furta uma jóia da caixinha de música e é surpreendida por Clara. Agenor beija Raquel, ela dá um tapa em Agenor e lhe entrega um colar como pagamento pelo silêncio. Remédios conta para Padre Antônio que presenciou o acidente e relata o que Débora disse para ela antes de morrer. Agenor comunica a Zé Manoel, empregado de Fausto, a decisão de Teresa. Raquel sente-se mal ao sair da garçoniere e desmaia na rua, algumas pessoas a socorrem. Ela é levada ao consultório do Dr. Alexandre e fica sabendo que está grávida.

QUARTA 1/09
Raquel pede ao Dr. Alexandre que não comente com ninguém sobre sua gravidez. Fausto pede a Raquel que deixe sua casa o mais rápido possível. Agenor informa Teresa que já comunicou o cancelamento do contrato para o capataz de Fausto Santos. As crianças se encontram na praça e são flagradas por Teresa que, mais uma vez, humilha Clara e proíbe o filho de falar com ela. João de Deus comenta com Padre Antonio o escândalo de Teresa na praça e pede a ele sigilo sobre o assunto. Fausto pede para Raquel que vá embora de sua casa o mais depressa possível. As crianças conversam na praça, Teresa chega e agride verbalmente Clara, que defende a mãe. Carlota entrega para Agenor a pasta de documentos, que estavam com Amador no dia do acidente. Agenor promete entregar pessoalmente para Teresa, mas fica com ela e retira as passagens aéreas. Fausto, completamente embriagado, evita a filha, que tenta se aproximar dele. Raquel, mais uma vez, tenta convencer Fausto a se casar com ela e levanta a dúvida, dizendo que Clara pode ser filha de Amador. Furioso, ele expulsa Raquel de sua casa mas, logo depois, invade o quarto da cunhada e a beija.

QUINTA 2/09
No dia seguinte, comunica que vai se casar com Raquel. Clara fica chocada com a notícia e sai correndo. Zé Manuel avisa Miguel que Fausto cancelou a entrega de cana. Clara procura a madrinha, conta que seu pai vai se casar com Raquel e diz a Amália que quer morar com ela. Miguel fala do cancelamento do contrato para Teresa. Agenor chega com a pasta de Amador, que estava no carro no dia do acidente. Clara recebe uma carta de seu amigo Paulo. Padre Antonio critica Teresa por ter ofendido Clara. Depois de ler a carta de Clara, Paulo foge de casa. Hilda vai até a casa dos Giácomo e conta para Teresa e Padre Antonio que Fausto e Raquel se casaram. Indignado, o religioso procura Raquel.

SEXTA 3/09
Hilda vai ao consultório de Alexandre e conta ao marido que Raquel e Fausto se casaram. Clara e Paulo decidem fugir. Raquel seduz Fausto, Lourdes os interrompe e fala sobre o sumiço de Clara. Teresa se desespera com o desaparecimento do filho e liga para o irmão. Padre Antônio desconhece o destino do sobrinho. Logo depois, Padre Antonio recebe um telefonema de Lourdes dizendo que Clara fugiu de casa. Mirela encontra com Paulo e Clara e indica uma caverna onde eles poderão passar a noite. Desesperada, Teresa promete a Agenor qualquer coisa, para ele encontrar Paulo. Amália acusa Fausto pelo sumiço de Clara. Teresa procura o filho na casa de Clara e acusa a menina de ter fugido com seu filho. Teresa e Fausto discutem. Agenor pressiona Mirela, descobre onde os meninos estão escondidos e vai até a gruta.

SÁBADO 4/09
Paulo é encontrado por Agenor. Furiosa com o filho por ele ter fugido com Clara, Teresa decide que o menino vai morar em São Paulo na casa de familiares. Padre Antonio leva Clara para casa. Raquel tenta consolar Fausto pelo sumiço de Clara. Remédios vê o hematoma no braço de Mirela e a menina conta que foi Agenor o responsável. Agenor cobra promessa de Teresa. Padre Antonio chega com Clara à casa de Fausto e diz que precisa conversar em particular com ele. Fausto dá bronca em Clara. Clara rebate, dizendo que ele mentiu para ela. Remédios vai ao escritório da Usina, furiosa. Remédios conversa com Agenor e exige que ele nunca mais se aproxime de sua neta. Mirela pede desculpas a Clara por revelar o esconderijo a Agenor. Teresa demite Miguel da usina.

Comentários encerrados.

Parceiros