SEGUNDA 13/09
Quinze anos depois… João de Deus propõe a Fausto que amplie a plantação de cana usando as terras que eram de Débora, mas Fausto se tornou uma pessoa completamente apática, que não demonstra interesse por nada. O casamento de Raquel e Fausto é um grande fracasso, as discussões são diárias e Raquel acusa Fausto de fazê-la infeliz por não conseguir esquecer Débora. João de Deus conversa com padre Antonio e expressa sua preocupação com Fausto, que perdeu a vontade de viver. Raquel procura Agenor, pede que ele convença Teresa a voltar a comprar a produção de cana de seu marido e insinua que em troca pode manter um relacionamento com ele. Teresa dá ordens a Agenor para que contrate Márcio, o filho de sua amiga Hilda, para trabalhar na usina. Ele aproveita a conversa para tentar convencê-la a comprar cana de outros produtores, mas não cita Fausto. Paulo volta para a cidade e Clara sofre uma grande desilusão quando se aproxima do amigo de infância e ele não a reconhece.

TERÇA 14/09
Clara se apresenta para Paulo, mas ele a trata com frieza. Decepcionada, ela comenta com João de Deus e Mirela que o amigo já não se lembra dos amigos de infância. Teresa fica feliz ao ver o filho e surpresa quando ele diz que vai se casar com a prima, Regina, e que não pretende voltar a morar na cidade. Márcio procura Agenor na usica e, mesmo sendo recomendado por Teresa, é maltratado pelo capataz. Mirela consegue emprego como secretária do Dr. Alexandre. João de Deus, inconformado com o desinteresse de Fausto pelos negócios, volta a insistir que ele deveria cultivar as terras que eram de Débora. Fausto é ríspido com João e ele critica a forma como o patrão trata a filha, Clara. Clara pergunta ao pai por que é tão indiferente com ela. Raquel interrompe a conversa e insinua que Fausto tem algo a lhe dizer.

QUARTA 15/09
Clara pergunta ao pai por que ele a odeia. Raquel entra e ameaça contar a verdade. Fausto se exalta e fica furioso com Raquel. Depois, quando os dois estão à sós, a proíbe de dizer qualquer coisa a Clara e ameaça expulsá-la de casa se não seguir suas ordens. Clara confidencia a Lourdes que já não suporta viver sob o mesmo teto como o pai e a tia e se pudesse iria embora para sempre. Teresa pede a ajuda de seu irmão, padre Antonio, para convencer seu filho a ficar na cidade. João de Deus fala com Clara sobre as terras que eram de sua mãe e diz que ela poderia cultivá-las, que seu pai não tem interesse. Clara vai até o quarto da tia e a pressiona a dizer o que seu pai está escondendo, mas Raquel se nega. Logo depois, Raquel sai do quarto e recebe um telefonema. Clara pega a extensão e ouve um homem marcando um encontro com ela. No dia seguinte, Clara comenta com Lourdes a conversa que ouviu. Raquel se encontra com Agenor na Gaçorniere e é flagrada por Fausto.

QUINTA 16/09
Raquel encontra-se com Agenor na garçoniere, Agenor lhe oferece uma flor. Fausto chega, vê a cena e diz que Raquel é igual a Débora, mas com menos categoria. João de Deus e Padre Antônio conversam sobre Paulo. Clara e Lourdes ficam nervosas esperando a volta de Fausto ou de Raquel. Fausto chega apressado e sobe para o quarto sem atender o chamado de Clara. Padre Antônio pede a Paulo que fique em São Bento para tentar se reencontrar. Raquel acusa Clara de contar a Fausto sobre o encontro dela com Agenor. Fausto vai a casa de Teresa, invade o escritório e lhe diz não ter interesse no acordo que Raquel e Agenor estavam fechando. Teresa sem compreender, liga para o escritório e diz que precisa falar urgentemente com Agenor. Paulo convida Clara para dar um passeio na praça e ela aceita.

SEXTA 17/09
Clara aceita o convite de Paulo. Raquel os observa pela janela e, imediatamente, conta para Fausto que sua filha saiu com um Giácomo. Teresa pede explicações a Agenor sobre o trato que pretendia fazer com Raquel. João de Deus vê Paulo e Clara juntos e não consegue disfarçar o ciúmes que está sentindo. Clara volta para casa e é proibida pelo pai de voltar a falar com Paulo Giácomo. Hilda vai até a casa de Teresa contar sobre o encontro de Paulo e Clara. Furiosa, ela vai até o armarinho, insulta Clara e lhe dá uma bofetada. Clara a enfrenta e devolve a bofetada. Fausto enfrenta muitos problemas para vender sua produção de cana mas, mesmo assim, se nega a cultivar as terras que foram de Débora. Miguel vai até a usina e é humilhado e expulso violentamente por Agenor. Paulo chega e flagra a agressão.

SÁBADO 18/09
Padre fala com Paulo sobre a briga que aconteceu entre Clara e Teresa. Paulo critica a mãe porter brigado com Clara. Ela mostra o rosto machucado e acusa Clara de agredir primeiro, mas Paulo não acredita. Clara flagra Raquel ouvindo conversa entre o Dr. Alexandre e Fausto. Paulo vai a casa de Clara para pedir desculpas pelo que Teresa fez. Ele decide conversar com Fausto e Teresa para tentar acabar com a rivalidade que persegue há anos as duas famílias. Como Fausto estava ocupado, ele propõe a Clara que conversem primeiro com Teresa. Ao entrarem na casa de mãos dadas, encontram Regina. Dr. Alexandre se despede de Raquel e fica sem reação quando ela o beija na boca. Clara fica chateada ao descobrir que Paulo tem uma noiva e sai sem dizer nada. Raquel tenta seduzir Fausto, mas ele a rejeita. Teresa fala com Regina sobre a ideia de uma festa de noivado. Fausto discute com Paulo, faz ameaças e o proíbe de se aproximar de Clara.

Comentários encerrados.

Parceiros