SEGUNDA 6/12 e TERÇA 7/12
Fedora repensa e vai até a casa de Sílvia para pedir a Diana que volte a morar na mansão, ao seu lado. Apesar disso, o desprezo de Fedora por Max permanece. Então, Diana responde e recusa voltar a viver com Fedora. Depois de atearem fogo no sanatório, Inácio e Diego comemoram, pois pensam que Max está morto. Camila, porém, está arrependida de ter participado desta atrocidade. Max, por sua vez, se safa e ajuda Pedro a escapar, também. Assim, eles pensam em começar uma nova vida, vivendo em anonimato para se vingarem de seus inimigos, já que todos pensam que estão mortos por causa do incêndio. Então, Max recobra a consciência, mas julga, erroneamente, que Diana é a maior traidora de seu amor. Isabel, por sua vez, agradece Diana por tê-la como babá de seu filho, mas Dulce, aflita, aparece e informa Diana do terrível incêndio no sanatório. No dia seguinte, os jornais tratam da tragédia. Nos escombros, não há sinal de Max e Diana entra em choque ao pensar que seu amado está morto. Enquanto isso, na praia, Max e Pedro são ajudados por um pescador, que pensa que sofreram um acidente no mar. Diante da tragédia, Yolanda adia seu casamento com Rene e Otávia comunica Paco da desgraça de perder um filho. Depois, no hospital e cheia de maldade, Otávia avisa Paola da morte do irmão, o que provoca uma crise na jovem que está à beira da morte. Isabel, enfim, sob as ordens de Débora, dá início ao envenenamento gradual de Diana.

QUARTA 8/12 e QUINTA 9/12
Diana começa a sentir os efeitos do envenenamento feito por Isabel, apesar de Diana nem desconfiar da babá de seu filho. Isabel, ao ver os efeitos maléficos sobre sua vítima, corre para avisa Débora. Inácio, por sua vez, não pára de comemorar, pois, Max é considerado morto, bem como Samanta, a enfermeira que subornou. Porém, Camila, cumplice dele e de Diego, se arrepende e pede perdão pelos seus atos. Enfim, chega o dia do julgamento de Gaby e Rodrigo vai até a mansão para buscá-la, assim como à Fedora. Enquanto isso, Silvia entra no quarto de Diana e se depara com a cena grave de sua amiga inconsciente. Max e Pedro, foragidos, decidem seguir o caminho do anonimato afim de se vingarem de seus inimigos. Assim, Pedro dá o novo nome de Alessandro Salvatierra para Max. Diana delira e Isabel tenta impedir que ela seja examinada por um médico, pois, teme ser descoberta. Durante o julgamento de Gaby, ela presta seu depoimento e conta como as coisas aconteceram, em verdade. Fedora e Miguelina reforçam a versão de Gaby, ao revelar ao juíz o caráter agressivo e obssessivo de André pela garota. Diego, por sua vez, vai a casa de Emílio para ver como Diana está, afinal, ficou sabendo que seu estado é grave. Sílvia, todavia, não acredita na intenção de Diego e discute com ele. Então, Emílio, expulsa o cafajeste de sua casa. Seguindo o julgamento, Gaby se declara inocente e diz ter agido em defesa própria, mas, se sente fragilizada ao ver Lary, pois, Kike a mantém sob terror constante. Enfim, Fedora e Gaby visitam Diana e lhe dão a notícia de que Gaby foi inocentada.

SEXTA 10/12 e SÁBADO 11/12
Depois de toda a tragédia que acabou com a “morte” de Max, não restou mais nada a Gaby e a Fedora, senão apoiar Diana, que entrou em profunda depressão. Gaivota pede a Diana para que volte a viver na mansão, mas ela não aceita e diz que seguirá se mantendo por suas próprias forças. Enquanto isso, Fiona, agora, está sem rumo, pois, abandonou Eduardo na esperança de conquistar Max. Eduardo ainda tenta retomar sua relação com Fiona, mas ela recusa. Max, por sua vez, segue na casa de Ismael, sem suspeitar que Fiona está em contato com ele. Porém, mais tarde, Max, afim de iniciar sua nova vida, anuncia que está de partida. Gaivota, astuta, acha estranha a grande dedicação de Isabel para com Diana e para com o bebê, então, começa a desconfiar da mulher… Em seguida, Gaivota chama uma ambulância, pois a situação de Diana está cada vez mais grave. Débora segue seus planos e está a espreita, esperando Marion sair de casa para atirar nela. Ao sair, Marion leva uma saraivada de balas, mas consegue sobreviver, enquanto sua irmã é preseguida pela polícia. Paola segue no hospital entre a vida e a morte e Lary lamenta a vida desbaratada que sua irmã teve até aqui. Fiona, interessada em saber sobre os últimos dias de Max, vai ao encontro de Diana, que lhe conta que Max não conseguiu se recordar dela (Diana) enquanto esteve no sanatório. Max, guiado por Pedro, partem para encontrar seu novo destino em Atlanta. Isabel, por sua vez, ao saber da cura de Diana e que pode ser descoberta como sua envenenadora, foge o mais rápido que pode da casa de Emílio. Enfim, Fedora é informada do diagnóstico de envenenamento de Diana e se apressa em capturar Isabel, que já fugiu. Enquanto isso, perseguida pela polícia, Débora é cercada, está num tiroteio e acaba morta. Diego encontra Marion, que diz não fazer idéia de quem pode ter atirado contra ela. Eduardo, depois de se convencer sobre o desprezo de sua ex-mulher, Fiona, conta para Inácio que, agora, está interessado em Diana, a única mulher capaz de fazê-lo esquecer Fiona. Marion, mesmo ferida, é surpreendida ao ser chamada para reconhecer o cadáver de sua irmã, Débora, pois, só assim, podem dar a falsária como verdadeiramente morta.

Comentários encerrados.

Parceiros