SEGUNDA 13/12
Estevão já não suporta a idéia de saber que Alma ama João Paulo, apesar de casada com ele. João Paulo, por sua vez, liga para Alma e diz que quer vê-la. Eles se encontram, se beijam, mas Alma responde que não podem ficar juntos, que João deve procurar outra. Enquanto isso, Dubraska está feliz por ter encontrado e beijado a Fernando, seu verdadeiro amor. De outro lado, não quer magoar Raúl, a odiaria se o deixasse plantado no dia do casamento. Fernando, então, fica confuso, pois, está noivo de Luisa e deixou Carmela furiosa por ter se encontrado com Dubraska. Carmela crê que Dubraska irá traí-lo de novo, pois não quer perder sua herança. Susy, por sua vez, dá um ultimato a Danilo e ameça contar sobre sua gravidez para Cecília. Danilo fica perturbado, pois nem desconfia que o filho não é dele. Nicanor, matreiro, conta para Paula que Alma, segundo se comenta, foi até a fazenda Brisas para ver Dom Patrício. Paula então, chama Abigail e decide envenenar Patrício no dia do casamento de Beto e Mônica. Abigail, inescrupulosa, fiaria com a missão de colocar o veneno na champanhe de Patrício. Nicanor, em seguida, liga para Alma e conta que Paula está sempre interessada nela e segue os passos de Alma desde sempre. Alma fica intrigada e pergunta sobre Paula para Fucha, que desconversa, dizendo não conhecê-la. Porém, Fucha a conhece, pois, foi Paula quem lhe entregou Alma, ainda criança. Depois disso, Fucha aconselha Estevão a engravidar Alma, nem que seja a força, assim, a garota jamais sairá do lado dele. Federico, por sua vez, confessa a Beto que ama Jasmin e que lutará por ela. Beto fica furioso e, assim, se dá conta de que ama Jasmin. Porém, não abandona a idéia de se casar com Mônica.

TERÇA 14/12
Alma descobre que Jasmin está gravida e decide ir ao casamento de Beto para revelar a novidade. Assim, justo no momento em que iria se selar o casamento, Alma aparece e conta tudo. Então, Beto recusa se casar até que se confirme que o filho é seu, o que deixa Mônica irritada e desgostosa. Federico, então, depois de propor a Jasmin ser o pai do filho que ela espera e ouvir sua recusa, avisa Beto que a criança que Jasmin espera é dele (Beto). Abigail pede a João Paulo que a leve ao casamento e ele aceita, pois, pensa em ver Alma, uma vez mais, apesar de querer esquecê-la. Abiagil, por sua vez, só pensa em envenar a champanhe de Patrício. No evento, Patrício e Cecília falam sobre sua filha, que está perdida. Ele diz que já tem uma pista, mas guarda segredo. Ao ver Abiagil chegar, Patrício fica irritado e decide ir embora. Porém, antes de sair é detido por Abigail, que lhe oferece uma taça de champanhe. Então, sem dizer uma palavra pega a taça e volta ao evento. Nicanor aconselha Susy, que vai até a festa e conta para Cecília que está gravida de Danilo. Cecília desaba, pega o carro e vai embora, enquanto Danilo pede para expulsarem Susy dali. De repente, no meio do evento, Patrício desmaia e é levado ao quarto. Recostado, revela a Alma que ela é sua filha perdida e pede perdão por tê-la tratado mal. Em seguida, ele alerta que isso deve ser mantido em segredo, até que abram seu testamento. Assim, Patrício morre nos braços de Alma, que chora profundamente.

QUARTA 15/12
Patrício morre e Paula está feliz por ter levado seu plano ao final com sucesso. Ela nem disfarça, mesmo em frente a Mercedes. Alma, então, regressa para casa de Estevão e pensa em trocar de roupa para ir ao velório de seu pai, porém, Patrício a prende no quarto para não deixá-la sair. João Paulo informa a todos sobre a morte de Patrício e Dubraska se sente mal com a fatalidade. O velório ocorre na biblioteca da mansão, por tradição da família, e quando Estevão chega com Abigail, João Paulo desconfia que ele não deixou Alma ir, então, liga para ela. João Paulo diz a Alma que irá buscá-la, mas ela diz que não, para não criar mais problemas. Ela pede que João Paulo revele quem é sua mãe e ele conta que é Cecília. Depois, diz que Paula é sua avó e que foi ela quem a roubou de Cecília, assim que nasceu. Enquanto isso, Beto vai a procura de Jasmin para saber se o filho que ela espera é dele, porém, ao chegar, se depara com Federico, quem diz ser o pai da criança. Desiludido, Beto decide dar um tempo e ir ao México, talvez para sempre. Danilo, ao saber da viagem de seu filho, vê sua família desmoronar e decide vingar-se de Susy. Ele vai ao seu encontro, mas ela aproveita a situação e seduz Danilo. Mônica, por sua vez, recebe a notícia de Gertrudes, que Patrício deixou parte de sua herança para ela, assim, Mônica desiste de Beto e pensa em buscar outro homem para se casar. Entretanto, Mônica, logo se desilude, pois, Sotílio, o advogado de Patrício, informa a todos que o testamento só será aberto depois de sete meses, contados a partir de sua morte. Dubraska, ainda esperançosa, vai ao encontro de Fernando, mas ele, de forma dura, diz que não pretende deixar Luisa. Então, ela vai embora chorando.

QUINTA 16/12
Sete meses depois, o advogado de Patrício reúne todos para a leitura de seu testamento, inclusive Alma, que mesmo contra a vontade de Estevão, vai acompanhada dele. Gertrudes e Mônica, sabendo da presença de Alma se põe nervosas, pois, imaginam que Patrício deixou algo para a camponesa. Enquanto isso, Jasmin vai ao rio para lavar a roupa e sente contrações, as fortes dores do parto. Nicanor a vê e a ajuda, levando Jasmin para sua casa, onde estava Susy, também prestes a dar a luz. Jasmin desmaia e Nicanor ajuda Susy a parir, porém, desgraçadamente o bebê de Suzy nasce morto. Em seguida, Nicanor ajuda Jasmin a dar a luz, mas, antes que o bebê nasça, ela desmaia novamente. Então Susy diz a Nicanor para trocarem os bebês, pois, assim, poderá levar adiante seu plano de ficar com Danilo, o “pai” de seu filho. Ao despertar, Jasmin se vê diante de seu suposto filho morto e chora de desespero. Sem perder tempo, Susy pede que Nicanor vá dar a notícia do nascimento de seu filho a Danilo. Enfim, todos se reúnem na biblioteca da mansão para saberem sobre o testamento e logo ficam sabendo que Alma é a principal herdeira de Patrício. Gertrudes não pode crer e grita que irá impugnar o testamento e sai da sala. Alma, então, herdou toda a fortuna, iclusive a fazenda. Gertrudes e Mônica, segunda o testamento, receberão, todo o mês, das mãos de Alma, apenas mil dólares e Dubraska, por sua vez, herdou des milhões de dólares, mas, com a condição de se casar com Raul, seu noivo. Entretanto, o testamento, também, diz o seguinte: Alma só herdará tudo se casar com João Paulo. Caso se case com outro, sua parte passará para as mãos de Ilusão, a netinha de Patrício.

SEXTA 17/12
João Paulo e Lupe, também recebem, segundo o testamento de Patrício, uma pensão vitalícia, enquanto Gertrudes, Mônica e Abgail seguem frustradas com a situação, já que terão que obedecer a Alma, dona de tudo, se queiserem receber seus mil dólares mensais. Alma avisa que não aceitará que a tratem mal e, depois, despede João Paulo, pois, ele está noivo de Abigail. Alma, ainda, expulsa Fucha, que queria se mudar para a mansão, já que a velha bruxa foi a causadora de muitos de seus sofrimentos. João Paulo, então, vai morar na casa de Paula, que está internada num sanatório e propõe casamento a Abigail. Ela aceita e diz que devem se casar o quanto antes.

SÁBADO 18/12
Abiagil, então, trata de avisar a todos que se casará com João Paulo em questão dias. Fucha implora a Alma para que lhe dê, pelo menos, um lugar onde ficar, mas Alma se nega. A velha bruxa, sozinha, bate de porta em porta, mas ninguém lhe acolhe, nem Fernando, nem Estevão, vem Caridade. Dubraska, desorientada, diz a Fernando que não deseja se casar com Raul, mesmo que perca os 10 milhões que seu pai lhe deixou. Enquanto isso, Abiagil e Estevão plaejam separar, ainda mais, João Paulo e Alma, fazendo ele crer que a garota, recém milionária, mandou destruir a escolinha da fazenda. Depois, Abigail vai ao encontro de Alma para convidá-la (e provocá-la), pessoalmente, para o seu casamente com João Paulo Robles.

Comentários encerrados.

Parceiros