SEGUNDA 13/06
João pede para Lúcia parar de dizer que vai se separar de Thiago. Lúcia comenta com o filho que Thiago está apaixonado por outra mulher. Lara e Alice planejam fugir da casa de Lobo Guerra. José e Miriam se beijam. Fernanda e Edith discutem por causa de Gabriel. Miriam diz a José que está disposta a cuidar de Lara e Alice. Ela diz que pode ajudar Ana quando sair do hospital. Batistelli não quer que Jandira faça o treinamento na guerrilha, pois ele teme que aconteça algo ao bebê que ela espera. Aranha conta a Filinto que Duarte revelou sobre a participação de Nina no Movimento Revolucionário Brasileiro. O delegado aproveitar para informar o militar a respeito do ensaio que o grupo teatral fará para a censura. No acampamento, Batistelli e Maria fazem treinamento de luta e tiros. Jandira passa mal e desmaia. Batistelli a reanima. Diego diz que Jandira não pode permanecer no acampamento, pois o estado de saúde dela é delicado. Ele a aconselha ir para Havana ou retornar ao Brasil. Na redação do Jornal O Brasileiro, Mário entrega flores a Marina. Marcela flagra os dois. Beto revela a Nina que está apaixonado por ela. Beto diz que odeia Telmo. Ao telefone, Dr. Ruy diz a Filinto que Ana está bem, mas continua sedada. Lobo Guerra afirma a Filinto que Ana se tornou uma ameaça, como Olivia. Filinto diz ao pai que Dr. Ruy quer transferi-la para casa. Filinto fala de Nina a Lobo Guerra. O general diz que a atriz tem que ser eliminada, pois é a única testemunha da morte de Cléo.

TERÇA 14/06
Beto pede para que Nina não se afaste dele. No Dops, Jeová cuida dos ferimentos de Duarte, que pergunta ao carcereiro o que ele está fazendo no Dops. Jeová diz que sua missão é ajudar as pessoas. Lobo Guerra diz a Filinto que Nina viva é um perigo. O general telefona para o quartel, pois quer informações de Telmo sobre a subversiva. Telmo confirma informações sobre Nina, mas pede um tempo a Lobo Guerra para prender Nina. Ao chegar no teatro, Telmo pede para Nina fugir e diz que ela não pode participar do ensaio para a censura. Dr. Ruy conta a Ana que nos exames não constam sinais de envenenamento. Ana diz a Dr. Ruy que tem que ir para casa, pois quer denunciar Lobo Guerra e Filinto. No hospital, José Guerra pergunta a Julia se ela acredita que Olivia morreu de morte natural. A enfermeira confessa que Olivia tinha sinais de asfixia. José pede para Julia depor contra Filinto. Dr. Ruy diz a José que Ana apresenta sintomas de um quadro esquizofrênico. Jandira decide voltar ao Brasil. Batistelli quer voltar com ela, mas a guerrilheira diz que ele tem que ficar em Cuba e se preparar para a Revolução no Brasil. Jandira pergunta se Maria quer voltar com ela para o Brasil. Maria fica pensativa. Lara e Alice estão prestes a sair da mansão de Lobo Guerra, mas Feliciana as pega de surpresa. Lobo Guerra pede para Aranha não prender Nina, pois Telmo disse que ela é uma ponte para outros subversivos. O general manda o delegado liberar Chico Duarte. Duarte agradece os cuidados a Jeová. Fritz vai à cela de Duarte e diz que Aranha quer falar com ele. Duarte fica apreensivo. No teatro, Miriam e Nina discutem. Miriam a chama de “negrinha”. Telmo, Beto e João aconselham Nina a fugir, mas ela resiste, e pretende participar do ensaio da peça para a censura. Chega a hora de Jandira partir… Maria decide ficar em Cuba e treinar na guerrilha. Decidido, Batistelli diz que quer ir embora com Jandira.

QUARTA 15/06
Jandira diz a Batistelli que o bebê precisa dela e o Brasil dele. Ela pede que ele fique em Cuba e faça o treinamento, pois ela cuidará bem do bebê sozinha. Ao ver os dois conversando, Maria diz que sente saudades do Brasil. Jandira diz que ainda é tempo de Maria ir embora com ela. Marcela questiona os sentimentos de Marina em relação a ela. Marina diz que sente… As duas são interrompidas por telefonema de Luis, que conta a Marcela que sua mãe morreu. Fritz entrega papel com seu telefone a Duarte e pede para o diretor de teatro procurá-lo, pois está interessado nele. Aranha libera Duarte. Padre Bento se despede de padre Inácio, pois está de partida para Europa. Padre inácio confessa ao amigo que o celibato o corrói. Dr. Ruy aconselha Julia e Josias a não se meterem com Lobo Guerra e Filinto. Lara e Alice contam a Lobo Guerra e Filinto que Feliciana queria bater nelas. Feliciana acorda do desmaio e diz que as meninas a agrediram. Filinto e Lobo Guerra conversam sobre Alice e Lara e chegam a conclusão de que elas se tornaram uma ameaça. Feliciana diz aos dois que o único jeito de controlar as meninas é fazer terrorismo com elas. Marta aconselha Bete a deixar de gostar de Luís. Bete pergunta a Marta de quem ela gosta. Misteriosa, Marta diz para Bete pensar um pouco. Duarte chega ao teatro. Incisivo, ele diz que Nina tem que fugir, pois os policiais da repressão estão procurando ela. Lobo Guerra, Filinto e Feliciana aterrorizam Lara e Alice. José Guerra chega e as defende. Maria diz a Jandira que vai ficar em Cuba. Jandira se despede de Batistelli. Diego diz a Maria que está muito contente com a decisão dela. Àspera, ela diz que não decidiu ficar em Cuba por causa dele. Emocionada, Jandira diz a Batistelli que quando os dois se encontrarem novamente ela já estará com o rebento em seus braços. Duarte conversa com os atores sobre o ensaio para a censura. Simone Almeida, do departamento de censura, chega ao Teatro de Vanguarda para avaliar o espetáculo. Aranha e Fritz também chegam com policiais para assistir ao ensaio. Ao ver os policiais, Miriam desiste do ensaio e vai embora. No camarim, os atores estão apreensivos com a apresentação para a censura. Duarte diz para Nina fugir porque os policiais vão prendê-la.

QUINTA 16/06
No Teatro de Vanguarda, Aranha manda os policiais ficarem de olho em Nina. José desafia Lobo Guerra e Filinto, e diz que vai descobrir onde estão os pais de Alice e Lara. Marcela afirma a Marina que vai amá-la para sempre, mesmo que não for correspondida. Ao apresentar o ensaio, Nina reconhece os olhos de delegado Aranha. Os dois se encaram. Durante o treinamento de guerrilha, Diego diz a Maria que ela ainda ficará com ele. Batistelli diz a Maria que ela está gostando de Diego, mas não tem coragem de admitir. Apreensiva, Nina fala a Duarte e Mário que não vai mais entrar em cena. Ela teme que Aranha faça algo com ela. Batistelli pergunta a Maria se ela tem alguma garantia de que José a espera no Brasil. Maria revela a Batistelli que teme voltar ao Brasil e encontrar José com outra mulher. Manipulador, Filinto diz a Lobo Guerra que José pode criar sérios problemas. Ele aconselha o pai a mandar prender José. Ao conversar com Alice e Lara, José pede para as garotas falarem sobre seus pais. Feliciana ouve a conversa entre eles atrás da porta. Telmo diz para Nina fugir. Aranha comenta com Fritz que Nina fugiu do teatro. A censora Simone Almeida corta vários trechos da peça do grupo de Teatro de Vanguarda. Ao final do ensaio, Aranha pede para os policiais revistarem o teatro em busca de Nina.

SEXTA 17/06
Miriam vai à mansão de Lobo Guerra cuidar de Alice e Lara. Lobo Guerra conta a José que Ana receberá alta e voltará para casa. No hospital, Ana diz a Dr. Ruy que não quer voltar para casa. Aranha faz ameaças aos integrantes do grupo de Teatro de Vanguarda. Nina vai para a casa de Thiago e Lúcia pedir ajuda. Ela conta que está sendo perseguida por ter presenciado uma chacina. Lúcia diz que é perigoso Nina ficar em sua casa, que já foi invadida pelos policiais do Dops. Thiago pede para padre Inácio dar abrigo a Nina na igreja. Ana chega à mansão. Por conta da medicação, ela diz coisas sem sentido, não conclui o raciocínio. José promete cuidar da mãe. Maria escreve carta a José no acampamento. Diego chega e oferece vinho a ela, que recusa. Maria diz para Diego desistir de tentar seduzi-la, pois ele não tem chance. Insistente, o cubano diz que não vai desistir. Ela pede para ele deixá-la sozinha. Nina chega à igreja de padre Inácio, que elogia a beleza da moça. Jandira chega à casa de Thiago e Lúcia. Ela está disfarçada com uma peruca loira. Em Cuba, Maria recebe carta de José. Feliciana e Lobo Guerra trocam beijos no escritório. Por pouco, Filinto não os flagra. Ana diz a José Guerra que não quer mais tomar remédios. José e Miriam se beijam. Miriam pergunta a José se ele ainda pensa em Maria. Jandira sente fortes contrações. Lúcia e Thiago levam a guerrilheira para a maternidade sob o codinome de Diana. Jandira dá à luz.

Comentários encerrados.

Parceiros