Bebê a Bordo 23 à 28 abril 2018

Capítulo 85 – Segunda-feira, 23 de abril
Ana (Isabela Garcia) desconfia das intenções de Laura (Diná Sfat) e fica em dúvida sobre se encontrar com ela. Tonico (Tony Ramos) sonha com Ana. Zezinho (Léo Jaime) briga com Tonico, que o expulsa de casa. Zezinho tira toda roupa e sai nu da casa de Tonico. Walquíria (Márcia Real) chega na hora e se assusta com o que vê. Laura pede conselhos para Nero (Ary Fontoura) sobre reencontro com Ana e Heleninha (Beatriz Bertú), mas ele desconfia das intenções dela. Antônio (Rodolfo Bottino) deixa bilhete para Ângela (Maria Zilda) pedindo perdão por caso com Fânia (Deborah Evelyn) e ela decide conversar com o ex. Rei (Guilherme Fontes) desabafa com Sininho (Carla Marins) sobre a falta que sente de ter sua família unida em casa e sobre sua amizade com Rico (Guilherme Leme). Rico, medicado, passa a noite no hospital e acorda melhor. Soninha (Inês Galvão) vai à empresa e diz a Tonico que só aceita reatar o casamento se ele largar Ana de vez. Rico volta para casa e descobre que foi demitido do posto. Ana, preocupada com o desemprego de Rico, vai ao encontro de Laura.

Capítulo 86 – Terça-feira, 24 de abril
No encontro, Ana (Isabela Garcia) se aproxima de Laura (Diná Sfat), mas logo a polícia chega e ela é presa. Dr. Valcourt (Fábio Sabag) tenta assassinar Nero (Ary Fontoura) novamente, mas passa mal antes de dar a injeção. Dinha (Silvia Bandeira) se tranca no banheiro e ameaça se jogar da janela. Dr. Valcourt, fica caído sobre Nero, agoniza, mas promete matá-lo para se vingar. Mendonça (Debora Duarte) consegue arrombar a porta do banheiro. Walkíria (Marcia Real) promete sociedade a Tonico (Tony Ramos) caso ele consiga impedir Dinha de se matar, mas ele fica morrendo de medo da altura e não consegue fazer nada. Rei (Guilherme Fontes) mente para Rico (Guilherme Leme) e diz que conseguiu emprego em um banco. Laura vai a delegacia atrás de Ana e a acusa de sequestrar Heleninha (Beatriz Bertú). Tonhão (José de Abreu) aparece na empresa a procura de emprego e consegue salvar Dinha. Tonico lê anúncio de Laura no jornal e corre para a praça. Tonico descobre que Ana foi presa. Para conseguir dinheiro, Rei começa a dar aulas de judô em casa. Nicolau (Paulo Guarnieri) vai ao quarto de Nero e encontra o médico morto sobre o avô e acaba desmaiando. Tonico consegue tirar Ana da cadeia, mas é ameaçado por Laura. Tonico pede a Ana para contar toda verdade para Laura.

Capítulo 87 – Quarta-feira, 25 de abril
Laura (Dina Sfat), excitada com a possibilidade de descobrir a verdade, aceita fugir da cadeia com Ana (Isabela Garcia). Tonhão (José de Abreu) vai ao trabalho de Ângela (Maria Zilda Bethlem) e quando eles estão quase se beijando Soninha (Inês Galvão) interrompe. Tonico (Tony Ramos) inventa uma história para convencer Laura de que Ana não é a mãe de Heleninha (Beatriz Bertú). Ester (Patrícia Travassos) começa a bater em Amado (Fábio Pillar) novamente. O delegado, irritado porque Ana fugiu, vai procurá-la na fábrica. No caminho, encontra Ester e a prende por agressão. Laura acaba acreditando. Laura ouve os gritos de Nero (Ary Fontoura) e o socorre. Indecisa sobre quem ama, Ângela desabafa com Mendonça (Débora Duarte) e desesperada beija o encanador por engano. Tonico diz a Ana que Heleninha pode ficar com ele e Soninha, enquanto ela não acerta sua vida.

Capítulo 88 – Quinta-feira, 26 de abril
Ana (Isabela Garcia) se recusa a entregar Heleninha (Beatriz Bertú) para Tonico (Tony Ramos) e Soninha (Inês Galvão). Ana diz que prefere que a filha fique com Laura (Diná Sfat), pois ela ama a menina. Amado (Fábio Pillar) tenta tirar Ester (Patrícia Travassos) da prisão, mas ela ameaça bater no marido novamente. Nero (Ary Fontoura) se declara para Laura. Bad Cat (Irving São Paulo) vai atrás de Caco (Tarcísio Filho) e mantém ele, Zetó (Jorge Fernando) e Antônio (Rodolfo Bottino) amarrados no apartamento. Ângela (Maria Zilda) chega e Bad Cat a agarra. Tonhão (José de Abreu) encontra Tico (Sebastião Vasconcelos) e tenta se acertar com o ele, mas ele continua irredutível e não aceita fazer as pazes com o filho. Nero pede a Walkíria (Márcia Real) para apoiar sua candidatura para prefeito. Tonhão invade o apartamento e enfrenta Bad Cat. Ângela e Tonhão brigam e ele vai embora furioso. Sininho (Carla Marins) conta para Raio (Silvia Buarque) que Rei (Guilherme Fontes) salvou a vida de Rico (Guilherme Leme) e ela vai atrás dele. Tonico diz para Soninha que quer se separar dela para ficar com Ana. Laura recebe telegrama do banco e descobre que perdeu todo o dinheiro da herança.

Capítulo 89 – Sexta-feira, 27 de abril
Laura (Diná Sfat) conta para Nero (Ary Fontoura) que eles estão pobres. Tonico (Tony Ramos) fala para Soninha (Inês Galvão) que desistiu da riqueza porque ama Ana (Isabela Garcia), mas ela revela que está esperando um filho dele. Tonico fica dividido. Raio (Silvia Buarque) implora perdão de Rei (Guilherme Fontes), mas fica enfurecida com a presença de Glória (Françoise Forton). Raio e Glória exigem que Rei escolha uma das duas de uma vez por todas. Walkíria (Marcia Real) pede para que Ângela (Maria Zilda) e Tonhão (José de Abreu) acompanhem mulher de candidato em um jantar. Mas, os dois acabam discutindo e a mulher foge. Rei (Guilherme Fontes) flagra Rico (Guilherme Leme) trabalhando e dá bronca no irmão. Raio encoraja Sininho (Carla Marins) a tornar a relação com Rico mais séria e ela vai atrás dele, mas acaba encontrando o namorado com a mãe. Decepcionada Sininho ameaça se suicidar.

Capítulo 90 – Sábado, 28 de abril
Sininho (Carla Marins) ameaça se jogar do viaduto. Tonico (Tony Ramos) e Soninha (Inês Galvão) se aproximam e fazem planos para o bebê. Ana (Isabela Garcia) procura por emprego. Mendonça (Débora Duarte) avisa Rico (Guilherme Leme) e Dinha (Silvia Bandeira) que Sininho quer se suicidar. Rei (Guilherme Fontes) usa uma corda e sobe em viaduto, expulsa a multidão e consegue impedir que Sininho se jogue. Laura (Diná Sfat) pede para Dinho (Paulo Figueiredo) examinar a documentação de Liminha (Armando Bógus). Nicolau (Paulo Guarnieri) descobre que a parte de Ladislau (Felipe Pinheiro) e de Raio na herança não foram depositadas em banco que faliu. Sininho desabafa com Rei. Laura (Diná Sfat), Nero (Ary Fontoura) e Nico vão atrás da fortuna de Ladislau e de Raio (Silvia Buarque), mas descobrem que os dois usaram boa parte do dinheiro em prol de suas causas. Ana, preocupada com a despesa que tem dado aos meninos, telefona para a casa de Laura. Nero atende e ela se identifica como mãe de Heleninha (Beatriz Bertú).

Bebê a Bordo 16 à 21 abril 2018

Capítulo 79 – Segunda-feira, 16 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Tonico (Tony Ramos) briga com Tonhão (José de Abreu) por ciúmes de Soninha (Inês Galvão). Nico (Paulo Guarnieri) tenta impedir Laura (Diná Sfat) de descobrir prova contra ele e briga com Ladislau (Felipe Pinheiro). Ana (Isabela Garcia), Raio (Silvia Buarque) e Rei (Guilherme Fontes) batizam Heleninha (Beatriz Bertú). Ester (Patrícia Travassos) denuncia Rei (Guilherme Fontes) para polícia. Polícia cerca a fábrica e ameaça prender Rico e Rei. Nico fez a reserva em nome de Ladislau em hotel creche e Laura pensa que Ladislau está envolvido no sequestro. Rico e Rei despistam polícia e se entregam, enquanto Raio e Ana fogem pelo telhado com Heleninha. Ana se esconde dentro de carro de Tonico com Heleninha. Tonico esconde Heleninha e polícia revista o carro. Antônio (Rodolfo Bottino) prepara jantar para Ângela (Maria Zilda) e tenta reconquistá-la. Mendonça (Debora Duarte) recebe ligação da clínica onde a mãe está internada. Walkíria (Márcia Real) vai ao apartamento de Mendonça para conversar, mas ela se demite. Antônio tenta agarrar Ângela, mas ela grita por socorro. Tonhão escuta gritos de Ângela, invade apartamento e dá um soco em Antônio, que desmaia.

Capítulo 80 – Terça-feira, 17 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Tonhão (José de Abreu) e Ângela (Maria Zilda) se beijam. Tonhão conta para Ângela que a procurou por toda cidade e se declara. Tonhão leva Ângela para cama, mas ela se arrepende e tenta expulsá-lo do apartamento. Zezinho (Léo Jaime) decide ajudar Laura (Diná Sfat) a superar perda de Heleninha (Beatriz Bertú). Walkíria (Márcia Real) encosta Mendonça (Debora Duarte) na parede e tenta descobrir mais sobre seu passado. Mendonça acaba desabafando. Tonhão e Ângela brigam e ele sai pela rua gritando que a secretária está apaixonada por ele. Tonico (Tony Ramos) convida Ana (Isabela Garcia) para morar com ele. Mendonça percebe que está sendo fotografada e, sem pensar, parte para a briga na frente de Walkíria. Mendonça descobre que a concorrência está fotografando todos da firma para denegrir a imagem deles no mercado. Laura desabafa com Nero (Ary Fontoura) sobre a tentativa dos enteados de sequestrarem Heleninha. Laura se arrepende da vida que levou todos esses anos. Zezinho (Léo Jaime) vai à casa de Laura, se apresenta como sequestrador de Heleninha e revela que a menina está com a mãe. Laura ameaça chamar a polícia e Zezinho foge. Rico e Rei saem da prisão. Ângela vai atrás de Rico e os dois marcam encontro. Laura chora e desabafa sobre seus erros com Ana, que fica comovida e a abraça.

Capítulo 81 – Quarta-feira, 18 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Ana (Isabela Garcia) fica comovida com desabafo e choro de Laura (Diná Sfat) por Heleninha (Beatriz Bertú). Walkíria (Márcia Real) exige que os funcionários adotem uma conduta exemplar para evitar escândalos contra empresa, obriga Tonico (Tony Ramos) a se reconciliar com Soninha (Inês Galvão) e Mendonça (Debora Duarte) a arrumar um namorado. Dinha (Silvia Bandeira) tenta o suicídio novamente, sem sucesso. Walkíria oferece sociedade a Tonico se ele continuar casado. Laura diz que documentos sumiram de pasta e desconfia de Ana. Branca (Nicette Bruno) ameaça se vingar de pessoa que faz denúncias anônimas contra Rico (Guilherme Leme) e Rei (Guilherme Fontes). Ester (Patrícia Travassos) fica nervosa com as declarações da mãe. Fânia (Deborah Evelyn) marca reunião com as mulheres do bairro. Rei e Rico sofrem com a ausência de Heleninha (Beatriz Bertú). Antônio (Rodolfo Bottino) diz para Ângela (Maria Zilda) que ela está apaixonada por Tonhão (José de Abreu). Soninha diz para Tonico que o casamento deles acabou e avisa que vai morar com Tonhão. Tonico implora para Soninha não ir embora. Laura sofre e decide ir embora de vez da mansão. Rei e Glória (Françoise Forton) marcam encontro. Rei encontra Rico passando mal na fábrica. Ana sugere que Tonico se mude com ela e Heleninha para o Rio de Janeiro.

Capítulo 82 – Quinta-feira, 19 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Laura (Diná Sfat) se despede de todos na mansão e comunica sua decisão de ir embora em caráter irrevogável. Nico (Paulo Guarnieri) comemora que Laura vai embora, mas Nero (Ary Fontoura) sofre. Rico (Guilherme Leme) passa muito mal e Rei (Guilherme Fontes) o leva correndo ao hospital. Zezinho (Léo Jaime) e Juninho (João Rebello) preparam jantar para Tonico (Tony Ramos) e Ana (Isabela Garcia). Soninha (Inês Galvão) chega de malas na casa de Tonhão (José de Abreu), mas ele confessa estar apaixonado por outra mulher. Soninha decide ir para casa de Mendonça (Debora Duarte). Mulheres do bairro comparecem a reunião de Fânia (Deborah Evelyn). Antes de sair, Laura vai ao encontro de Nero para se despedir, mas o encontra passando mal. Mendonça revela para Soninha que Tonico não pode se separar dela para continuar na empresa. Tonico conta quais são as exigências de Walquíria (Márcia Real) para Ana, que fica decepcionada. Rei leva Rico a vários os hospitais, mas não consegue atendimento. Ana vai embora da casa de Tonico e leva Heleninha (Beatriz Bertú).

Capítulo 83 – Sexta-feira, 20 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Zezinho (Léo Jaime) e Tonico (Tony Ramos) discutem após fuga de Ana (Isabela Garcia). Tonico fica desolado ao perceber que Ana foi embora de vez. Walquíria (Márcia Real) se veste de preto e vai para a casa de Nero (Ary Fontoura), esperar por sua morte. Laura (Diná Sfat) confessa para Walkíria que não deseja a morte de Nero. Rei (Guilherme Fontes) leva Rico (Guilherme Leme) a diversos hospitais, mas uns são caros demais e outros não têm condições de atendê-lo. Fânia (Deborah Evelyn) mostra a pesquisa que fez às mulheres do bairro. Irritadas ao saberem em que condições seus maridos se expuseram, elas atacam Fânia e os homens do bairro. Sem atendimento, Rico desmaia e Rei ameaça médico com canivete para que o irmão receba atendimento. Médico avisa a Rei que Rico está com hemorragia e precisa ser operado. Médico (Antônio Pedro) mente para todos e diz que estado de Nero é grave. Nero pede a Laura que fique ao seu lado. Ana se abriga com Heleninha (Beatriz Bertú) na casa de Rico e Rei. Tonico procura por Ana na casa de Branca (Nicette Bruno), mas não a encontra. Tonhão (José de Abreu) encontra Ângela (Maria Zilda) na rua e a leva, à força, para o seu apartamento.

Capítulo 84 – Sábado, 21 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Tonico (Tony Ramos) tenta apartar briga de Ester (Patrícia Travassos) e Amado (Fábio Pillar) e acaba apanhando. Dr. Valcourt (Antônio Pedro), Médico de Nero (Ary Fontoura), tenta assassiná-lo com uma injeção, mas ele grita por socorro. Antônio (Rodolfo Botiino) procura por Ângela (Maria Zilda) na fábrica e encontra Ana (Isabela Garcia). Ana reconhece Antônio e lembra que ele estava presente na festa em que engravidou de Heleninha (Beatriz Bertú). Antônio vai atrás de Ângela e briga com Tonhão (José de Abreu). Liminha (Armando Bógus) telefona para Nero, Laura (Diná Sfat) atende e reconhece a voz, mas não acredita que seu marido esteja vivo. Glória (Françoise Forton) fica irritada a espera de Rei (Guilherme Fontes). Rei leva Rico (Guilherme Leme) ao hospital particular e pede ajuda de Raio (Silvia Buarque), mas ela se recusa a ouvir. Desesperado, Rei rouba a carteira de um homem no hospital e consegue internar Rico, mas acaba sendo reconhecido pela vítima que ameaça chamar a polícia. Ângela tem nova crise de sonambulismo e beija Tonico. Sininho (Carla Marins) encontra Rei no hospital e paga a conta de Rico. Ana lê anúncio que Laura pôs no jornal marcando um encontro com ela em uma praça.

Bebê a Bordo 9 à 14 abril 2018

Capítulo 73 – Segunda-feira, 9 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Laura (Dina Sfat) fica desconfiada quando Ana (Isabela Garcia) se apresenta como Silvia e se candidata a vaga de motorista. Ana leva Laura para andar de carro e Laura a contrata. Ângela (Maria Zilda) decide ser a secretária de Mendonça (Débora Duarte) e Tonico (Tony Ramos). Rico (Guilherme Leme) conta para Rei (Guilherme Fontes) como ele era quando criança. Rei diz que tem medo ficar sozinho na vida. Laura pede para Nicolau (Paulo Guarnieri) verificar se os documentos de Ana/Silvia (Isabela Garcia) são verdadeiros. Laura liga para pedir referências de Ana e Zezinho (Léo Jaime) mente a elogiando. Ana descobre que o Bebê que está na casa de Laura não é a Heleninha (Beatriz Bertú). Rico e Rei levam Heleninha para passear na praça. O carrinho de Heleninha desce uma ladeira desgovernado e Rico e Rei correm para evitar um acidente.

Capítulo 74 – Terça-feira, 10 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Rico (Guilherme Leme) anda de skate tentando alcançar o carrinho de Heleninha (Beatriz Bertú), mas bate em caminhão. Rei (Guilherme Fontes) anda de bicicleta, mas também não alcança carrinho e sofre acidente. Ana caminha pela rua pensando na filha. No escritório, Tonico (Tony Ramos) pede que Ângela (Maria Zilda) faça coisas e fala mal de Mendonça (Débora Duarte). Mendonça também fala mal de Ângela. Laura (Dina Sfat) liga para detetive e pede investigue Ana/Silvia (Isabela Garcia). Nero (Ary Fontoura) e Nascimento discutem e ficam bêbados. Dinho (Paulo Figueiredo) conta que se separou de Dinha (Silvia Bandeira), que está em estado de choque. Glória (Françoise Forton) e Amado (Fábio Pillar) encontram carta de Branca (Nicette Bruno). Branca encontra Tico (Sebastião Vasconcelos). Tonico discute com Soninha (Inês Galvão) por telefone. Glória mostra bilhete de Branca para o irmão e os dois choram. Rico e Rei se envolvem em confusão no meio da rua. Laura se sente sozinha, Dinho (Paulo Figueiredo) aparece e se declara para ela. Laura, Rico, Rei e Ana reconhecem Heleninha na TV.

Capítulo 75 – Quarta-feira, 11 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Zezinho (Léo Jaime) diz que Ana (Isabela Garcia) está errada e não é Heleninha (Beatriz Bertú) na TV. Ângela (Maria Zilda) encontra Nero (Ary Fontoura) e Nascimento na rua, pede táxi e encontra Antônio (Rodolfo Bottino). Branca (Nicette Bruno) diz que Tico (Sebastião Vasconcelos) não quer que as pessoas gostem dele e o aconselha. Os dois se beijam e ela decide voltar para casa. Ângela fala com Tonico (Tony Ramos), sem saber, que está na delegacia com Nero e Nascimento. Dinha (Silvia Bandeira) chora nos braços de Mendonça (Débora Duarte) por causa da separação. Ângela conta para Mendonça que fez besteira ao falar tudo para Tonico. Rei (Guilherme Fontes) e Rico (Guilherme Leme) fingem que sofreram acidente para entrar no hospital. Tonico, Ângela, Antônio, Nero e Nascimento acabam presos. Mendonça e Walkíria (Márcia Real) vão à delegacia tentar retirar os clientes e também acabam presas. Vespúcia (Leina Krespi) desconfia de preocupação de Ana com Heleninha (Beatriz Bertú), mas Ana mente. Laura pede que Dinho (Paulo Figueiredo) suborne enfermeira. Ana escuta telefonema de detetive e diz para Raio de Luar (Silvia Buarque) que é mãe de Heleninha.

Capítulo 76 – Quinta-feira, 12 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Ana (Isabela Garcia) conta para Raio de Luar (Silvia Buarque) os motivos que fez com que ela deixasse Heleninha (Beatriz Bertú). Raio diz que a menina estava com Rico (Guilherme Leme) e Rei (Guilherme Fontes). E procura documentos para ajudar Ana. Laura (Dina Sfat) finge estar mal para entrar no hospital. Médico insiste que Rei precisa fazer exames. Tonico (Tony Ramos) reclama de insetos, Mendonça (Débora Duarte) debocha e Ângela tenta acalmá-lo. Tonico inventa história sobre doença e delegado libera todos. Ângela encontra Mendonça chorando e a consola. Laura chantageia enfermeira. Rico e Rei são expulsos do hospital. Raio diz que vai ajudar Ana. Glória (Françoise Forton) procura pela mãe. Rico e Rei entram com Sininho (Carla Marins) no hospital fingindo que está parindo e procuram por Heleninha. Paparazzo tira fotos de Tonico. Laura expulsa repórter de sala e encontra Heleninha. Rico e Rei conseguem recuperar a bebê e fogem dentro de ambulância. Soninha (Inês Galvão) diz a Tonhão (José de Abreu) que vai abandonar Tonico. Rico e Rei cuidam de Heleninha. Ana chega e encontra a filha.

Capítulo 77 – Sexta-feira, 13 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Ana (Isabela Garcia) fica feliz ao encontrar a filha. Rico (Guilherme Leme) e Rei (Guilherme Fontes) contam o que fizeram para tentar entregar Heleninha (Beatriz Bertú) para Ana. Tonhão (José De Abreu) e Soninha (Inês Galvão) discutem, os dois se beijam e a expulsa. Mendonça (Débora Duarte) recebe ligação da mãe e mente. Antônio (Rodolfo Bottino) agarra Ângela (Maria Zilda) no escritório, ela joga vaso e ele desmaia. Ângela sonha com Tonhão e dá beijo em Antônio. Tonico (Tony Ramos) compra presentes para família, mas ninguém dá atenção. Tonico pensa em Ana. Zetó (Jorge Fernando) diz à Ângela que Tonhão a procurou. Amado (Fábio Pillar) e Glória contam à Ester (Patrícia Travassos) que Branca (Nicette Bruno) fugiu. Ladislau (Felipe Pinheiro) ameaça contar que Nicolau (Paulo Guarnieri) sequestrou Heleninha. Walkíria (Márcia Real) aconselha Nero (Ary Fontoura) e os dois se beijam. Branca chega em casa, encontra os filhos e conta sobre relacionamento com Tico (Sebastião Vasconcelos). Walkíria tenta tirar cactos de Dinha (Silvia Bandeira). Ana cuida de Heleninha enquanto conversa com Rico e Rei. Tonhão chega na casa de Soninha e os dois se beijam. Laura pede ajuda a Tico

Capítulo 78 – Sábado, 14 de abril – 15h30 e reapresentação à 00h35
Laura (Diná Sfat) e Tico (Sebastião Vasconcelos) se encontram e ela revela todo seu passado e faz perguntas sobre Ana (Isabela Garcia). Ana brinca com Heleninha (Beatriz Bertú) e faz perguntas sobre a menina para Rico (Guilherme Leme) e Rei (Guilherme Fontes). Raio (Silvia Buarque) rouba documentos do baú de Laura para ajudar Ana. Ângela (Maria Zilda) tem crise de sonambulismo, sai pela rua e beija Bad Cat (Irving São Paulo). Tonico (Tony Ramos) e Branca (Nicette Bruno) tem conversa franca sobre o passado. Homens do bairro fazem fila para beijar Ângela, mas ela beija Amado (Fábio Pillar). Ester (Patrícia Travassos) fica irritada e bate em Ângela. Rei conta para Ana que estava presente na festa em que ela engravidou. Envergonhada, Ângela tenta se desculpar com Ester, mas ela não aceita. Laura escuta Ladislau (Felipe Pinheiro) ameaçando revelar provas que incriminam Nico (Paulo Guarnieri). Soninha (Inês Galvão) diz que quer ir embora com Tonhão (José de Abreu) e Tonico escuta.