Carrossel 19 à 23 novembro 2018

Capítulo 72 – Segunda-feira, 19 de novembro
Na casa abandonada, os garotos brincam com um sapo de brinquedo. Eles planejam assustar as meninas na sala de aula. Paulo fala mal de Maria Joaquina e Cirilo parte para cima dele. Valéria recebe um mensagem de Davi, que conta que Paulo vai soltar um sapo de brinquedo na sala. Valéria combina com Alícia de avisar a diretora Olívia. Alícia sugere que as duas consigam um sapo de verdade para assustar os meninos. Jaime e Mário desafiam Paulo a entrar no quarto secreto da casa abandonada. Maria Joaquina e Joana vão tomar sorvete, um homem as segue. Na escola, Maria Joaquina diz a Laura que as gordas não fazem falta. Helena repreende a patricinha. Cirilo encontra o mendigo Bituca na rua e o agradece. Mário pergunta a Paulo se ele está com o sapo de brinquedo. Daniel tenta persuadir Paulo a não assustar as meninas. Davi vai até Valéria e pede para ela não contar a ninguém sobre o sapo. Valéria conta que a única menina que sabe é Alícia. Alícia está com o sapo de verdade guardado em seu armário, ela mesma o caçou. Por pouco, a menina não é flagrada pela diretora Olívia, que pergunta o que ela está fazendo fora da sala. Olívia pede para Alícia dizer a Helena que precisa conversar com ela. Em reunião com Helena e Suzana, Olívia afirma que vai começar os preparativos para a excursão ao parque estadual. Paulo solta o sapo de brinquedo na sala, as meninas sobem nas carteiras em desespero. Valéria desmaia, Davi tenta reanimá-la. Na diretoria, Olívia ouve a gritaria dos alunos do terceiro ano. Helena, Olívia e Suzana chegam à sala. Helena tenta conter os alunos e pede para as meninas descerem das cadeiras. Olívia brada a Helena e aos alunos que o projeto de excursão para o parque estadual foi cancelado por indisciplina dos alunos.

Capítulo 73 – Terça-feira, 20 de novembro
Suzana envenena Olívia contra Helena. Carmen diz a Helena que Valéria está desmaiada. Helena tenta acordar Valéria. Jaime brinca que Davi vai ficar viúvo antes de casar. Davi chega da sala e conta aos meninos que Valéria sofreu um ataque do coração e vai ficar ao lado dela nos últimos momentos. Cirilo culpa Paulo. Davi retorna da sala e revela aos meninos que Valéria morreu. Helena passa um pouco de água gelada em Valéria e ela acorda rapidamente. Valéria confessa à professora que fingiu para assustar os meninos. Cirilo brada aos garotos que todos serão presos por matar uma amiga. Alícia troca o sapo de brinquedo de Paulo por um de verdade. Helena comenta com os alunos que é estranho aparecer tantos animais na sala de aula. O sinal do recreio toca, Mário pede para Paulo levar o sapo para o pátio. Durante o recreio, Valéria pede para as meninas observarem a reação dos meninos, pois será muito divertida. Paulo pega o sapo da caixa e ao sentir que é de verdade o solta no pátio. Os meninos começam a gritar e sobem nos bancos do pátio. Na sala de aula, Cirilo fala da casa abandonada a Helena, ele diz que é mal assombrada. Os meninos pedem para Cirilo calar a boca. Helena afirma ao garoto que fantasmas não existem. O homem que seguia Maria Joaquina entra na casa abandonada onde os garotos se encontram. Ele conversa com um amigo. Os dois planejam entrar na casa de Maria Joaquina. Misteriosos, eles dizem que está tudo planejado, sabem toda a rotina da família Medsen.

Capítulo 74 – Quarta-feira, 21 de novembro
É final de semana e os alunos vão à biblioteca da Escola Mundial para pesquisar histórias sobre assombrações, pois vão fazer uma expedição à casa abandonada. Em meio às prateleiras, eles encontram dois livros do século XIX, que falam sobre fantasmas. Paulo e Mário estão de vigia no pátio da escola. Olívia chega à escola. Mário vai avisar Firmino que a diretora está no pátio. Firmino tenta distraí-la. Paulo vai à biblioteca e conta aos alunos que a diretora Olívia está na escola. Todos ficam desesperados e se escondem como pode. Eles decidem se reunir na casa de Jaime para conversar sobre a casa abandonada. Jonas, irmão de Jaime, começa a contar histórias assustadoras sobre assombrações. Valéria e Davi vão à casa de Firmino no domingo. Valéria pergunta a ele sobre a história da casa abandonada, pois estão fazendo uma pesquisa. Firmino revela que um casal de idosos morava lá, mas morreram em uma viagem que fizeram à Europa, desde então a casa está abandonada. Em reunião na casa de Maria Joaquina, as garotas discutem sobre os mistérios da casa abandonada. Valéria afirma às garotas que tem um fantasma na casa abandonada, uma mulher que tira a própria cabeça. Jaime revela aos garotos que ele e Paulo foram à casa abandonada e descobriram uma passagem para os fundos.

Capítulo 75 – Quinta-feira, 22 de novembro
Helena comenta com a mãe que os domingos são tediosos. Cris afirma à filha que é falta de um romance. Helena recebe telefonema da mãe de Maria Joaquina, que a convida para se reunir com as meninas em sua casa. Na casa abandonada, os bandidos comentam que o melhor é fazer que todos acreditem que eles são fantasmas, assim ninguém se aproxima da casa. Eloísa diz a Rafael que está com o pressentimento de que algo horrível está para acontecer. Paula diz a José que ele não devia ter dado permissão para Cirilo entrar na casa abandonada. Os meninos se reúnem para expedição à casa abandonada, levam lanternas, comidas e bebidas. Helena chega à casa de Maria Joaquina, Suzana também é convidada. Valéria pergunta a Alícia quem convidou Suzana, a jararacuçu. Alícia revela a Helena que os garotos vão fazer uma expedição na casa abandonada e não as convidaram. Suzana afirma que os meninos fizeram bem em não convidá-las. Helena comenta que não tem mais limites para atividades de meninos e meninas, todos podem brincar de tudo. Os bandidos conseguem um carro para assaltar a casa de Maria Joaquina, o carro é rosa pink. Os bandidos observam Joana, a empregada da família Medsen, pelas ruas. Propositalmente, um dos bandidos dá uma trombada em Joana e rouba a chave da casa da família Medsen.

Capítulo 75 – Sexta-feira, 23 de novembro
Os garotos começam a expedição à casa abandonada, decidem começar pelos fundos. Cirilo vê um esqueleto humano no solo se mexer e grita por socorro. Os meninos começam a ouvir alguém cantando uma música, são os ladrões Dedinho e Lobinho que estão dentro da casa. Está prestes a cair um temporal, os alunos decidem abandonar a expedição. Enciumada, Valéria conta à mãe que os meninos estão fazendo uma expedição e Davi não ligou para ela. Ao dormir, Jaime sonha que entra na casa abandonada e um fantasma lhe dá uma bandeja de hambúrgueres. Na escola, Daniel conta a Helena que a expedição não deu certo. Cirilo conta à professora que viu um corpo. Jaime afirma que Cirilo está delirando. Clara se queixa de dor de cabeça a Joana, até cai na sala. Miguel chega às pressas e diz que vai levá-la a um neurologista. Lobinho e Dedinho, os ladrões, estão à frente da mansão da família Medsen. Eles observam Joana e Maria Joaquina, que saíram para ir a uma loja. Oportunistas, os ladrões invadem a mansão. Atrapalhados, os bandidos começam a roubar os objetos valiosos da casa. No meio do caminho, Joana lembra que esqueceu a carteira, ela e Maria Joaquina retornam à mansão para pegá-la.

Carrossel 12 à 16 novembro 2018

Capítulo 67 – Segunda-feira, 12 de novembro
Frederico experimenta a roupa que comprou para trabalhar. Inês e Carmen fazem elogios. Com Marcelina no comando, os garotos fazem um belo bolo a Mário. Natália discute com Germano, pois ele vai viajar a trabalho. Em seu quarto, Mário conversa com Rabito, diz ao cachorro que ninguém se lembrará do seu aniversário, como sempre. O garoto lamenta a morte da mãe. No café da manhã, Mário pergunta a Natália se não tem algo diferente para o café. A madrasta comenta que Germano foi viajar. Mário revela a Natália que é seu aniversário. Fria, Natália diz que em casa de pobre não se tem dinheiro e tempo para comemoração. Na casa abandonada, Jaime dá os parabéns a Mário. Os garotos fazem uma surpresa, entram com o bolo e cantam parabéns a Mário, que fica emocionado. Helena vai até a oficina mecânica de Rafael e pede a ajuda dele para comprar um outro carro. Helena comenta com Rafael que foi uma atitude nobre ter ajudado Graça e fala do presente que ela mandou por meio de Jaime. Na casa abandonada, Jaime entrega o presente que Graça mandou a seu pai para Mário. Helena conta a Rafael que Jaime ficou de lhe entregar o presente. Mário adora o presente que ganha de Jaime, é uma miniatura de carro. Jaime afirma que está com um pressentimento ruim. Germano chega em casa, Mário conta que é seu aniversário. Germano fica desconcertado. Mário conta ao pai que Jaime organizou uma festa surpresa para ele. Germano inventa uma desculpa por ter esquecido o aniversário do filho. Em discussão com Natália, Germano afirma que Mário recebe na rua o que deveria receber em casa: carinho. Rafael pergunta a Jaime onde está o presente que Graça lhe mandou. Jaime tenta desconversar, mas revela que deu o presente a Mário, porque os pais do colega nunca se lembram do aniversário dele. Jaime comenta com Rafael que depois da morte da mãe de Mário o aniversário dele sempre é esquecido.

Capítulo 68 – Terça-feira, 13 de novembro
Germano entra no quarto de Mário, que está olhando a fotografia da mãe. Mário pergunta ao pai por que sua mãe teve que morrer. Germano afirma ao filho que vai levá-lo para comemorar seu aniversário. Adriano está em seu quarto e começa a conversar com Chulé. Adriano diz a Chulé que ele não entende de futebol. Cadeirudo pergunta a Adriano se ele tem vontade de ser jogador de futebol. Roberto e Lilian, pais de Paulo e Marcelina, discutem. Lilian afirma a Roberto que não precisava ter batido em Paulo por conta da bagunça que o garoto fez. Paulo está chorando em seu quarto, Marcelina tenta consolar o irmão. Valéria comenta com Rosa, sua mãe, que ela e as meninas estavam conversando sobre os meninos da escola. Valéria afirma que o coração de uma garota não tem idade para se apaixonar. Kokimoto vai à casa de Paulo, que conta que não pode sair, está de castigo. Rafael e Jaime vão a uma cantina jantar. Koki conta a Cirilo, Davi e Adriano que Paulo está de castigo. Rafael e Jaime encontram Germano e Mário na cantina. Os quatro decidem sentar na mesma mesa para jantar. Os garotos vão à casa de Jaime. Eloisa conta aos menino que Jaime foi jantar com pai, não vai treinar futebol.

Capítulo 69 – Quarta-feira, 14 de novembro
Germano e Mário voltam felizes para casa após o jantar de comemoração do aniversário do garoto. Enfurecida por não ter sido convidada, Natália reclama com Germano, que a deixa falando sozinha. Ainda de castigo, Paulo fica sabendo através de Marcelina que haverá uma partida de futebol contra os meninos da rua de cima na manhã seguinte. Inconformado com o castigo, Paulo resmunga que precisa se livrar da punição para jogar. Cirilo liga para Jaime e conta que Paulo poderá desfalcar a equipe no dia da partida. Paulo tenta convencer sua mãe a tirá-lo do castigo. Lilian abre exceção com a condição de que Paulo não conte nada para o pai. Na manhã seguinte, o ‘Clube dos Cuecas’ se reúne para o grande jogo contra os meninos da rua de cima. Valéria recebe uma mensagem de texto de Davi comunicando sobre a partida. Apaixonada, Valéria reúne todas as meninas para fazer uma surpresa. As meninas ensaiam uma coreografia e gritos de guerra para atuarem como líderes de torcida. Os meninos ficam envergonhados ao se depararem com elas no campo de futebol. O placar do jogo está empatado e Mário se machuca. Valéria sugere que Alícia entre em seu lugar para dar sequência ao final da partida. Os garotos aceitam e nos minutos finais do jogo, Alícia faz o gol da vitória para o ‘Clube dos Cuecas’. Mais tarde, na Escola Mundial, Paulo sugere para Valéria organizar um concurso para escolher quem é a menina mais baixa da turma. Valéria organiza o evento no pátio. Marcelina passa pelo local e Valéria exige que ela participe do concurso. Marcelina se recusa e as duas brigam. Os colegas de turma tentam apartar a briga até que as professoras Helena e Suzana aparecem.

Capítulo 70 – Quinta-feira, 15 de novembro
A professora Helena repreende a briga e Suzana acusa Valéria de ter começado a confusão. Marcelina fica chateada e tenta ir embora do colégio. Helena pede para a aluna se acalmar e conversar com ela em uma sala. Marcelina conta o que aconteceu e diz que não quer ficar conhecida como baixinha. A professora explica que ser pequenina não é problema e consola a aluna. Marcelina e Valéria fazem as pazes. A diretora Olívia chama a professora Suzana e pede para ela ajudar Helena a organizar a festa anual da escola. Helena conta para sua turma sobre a festa e diz que eles terão que montar uma apresentação de dança, que será em duplas. A professora complementa que as duplas serão definidas na próxima aula, através de um sorteio. Após a aula, Cirilo confessa para Helena que gostaria de dançar com Maria Joaquina. Ansiosa para participar de sua primeira festa na escola, Maria Joaquina conta para Bibi que deseja ser sorteada para dançar com Daniel. Em casa, Cirilo conta para seus pais que está treinando para conseguir dançar bem e agradar Maria Joaquina. No outro dia, as crianças visitam uma mágica fábrica de chocolates. Mais tarde, na sala de música da escola, as crianças ensaiam a canção “O Bom”, que será o tema da apresentação. No intervalo do ensaio, Helena realiza o sorteio das duplas. Maria Joaquina faz par com Paulo e Cirilo fica chateado. Suzana começa a preparar a decoração para a festa. Cirilo diz a Helena que odiou o resultado do sorteio, pois quer dançar com Maria Joaquina. Jaime vai conversar com Cirilo. Helena pergunta aos dois por que não estão na sala de aula. Helena comenta com Cirilo que nem sempre acontece o que se espera. Jaime tenta confortar o amigo ao dizer para não ficar triste por não dançar com Maria Joaquina. Suzana afirma a Matilde que o talento de Helena é ser boa e meiga e ponto final. Suzana afirma que todos perceberão seu talento na festa anual da Escola Mundial. Olívia conta a Firmino e Graça que já tentou acabar com a festa anual, mas o Sr. Morales gosta da data. Maria Joaquina conta ao pais que foi escolhida para dançar com Paulo. A menina conta que Jaime vai tocar gaita e Cirilo vai fazer a dublagem. Maria Joaquina diz que ainda bem que não caiu com Cirilo, pois ele não deve saber dançar. Cirilo chega em casa triste e conta aos pais que não foi sorteado para dançar na festa anual da escola. Carmen conta à mãe que o tema da festa será o rock. A menina precisa de um vestido para a apresentação, mas Inês diz que não tem dinheiro para fazê-lo. Helena percebe a tristeza de Carmen, que desconversa ao dizer que está com dor de cabeça. Carmen revela a Firmino que não vai poder dançar na apresentação da festa. Suzana afirma a Helena que poderá ajudá-la com a coreografia dos alunos. Paulo diz a Cirilo que tem um plano para ele dançar com Maria Joaquina. Cirilo comenta com os amigos que Maria Joaquina será a menina mais bonita da festa. Os meninos mandam Cirilo calar a boca.

Capítulo 71 – Sexta-feira, 16 de novembro
Maria Joaquina diz a Cirilo que deveria perder tempo com alguém que dê importância a ele. Helena comenta com Carmen que tem um vestido em sua casa e as duas podem transformá-lo para a apresentação dela. Os alunos começam a preparar a decoração da festa. Na sala de aula, Suzana e Helena ensaiam a coreografia da apresentação com os alunos. As crianças ensaiam sob a música “O Bom”. As crianças estão fora do ritmo. Helena e Graça fazem uma demonstração às crianças, como elas devem dançar. Suzana diz a Helena que as crianças estão fora do tempo. Eles começam a ensaiar a coreografia novamente. Helena pede para a dupla Paulo e Maria Joaquina dançar. Os dois começam a fazer a coregrafia sem ânimo. Após os ensaios, os alunos deitam no chão da sala de tão exaustos. Helena comenta com Suzana que Cirilo está inconformado com o fato de que não vai dançar com Maria Joaquina. As duas vão conversar com o garoto. Suzana pergunta a Cirilo se ele quer dançar com ela. Cirilo diz que ela é muito velha. Cirilo pergunta a Helena se ele pode se preparar para fazer uma coisa que ele não tinha coragem de fazer.

Carrossel 5 à 9 novembro 2018

Capítulo 62 – Segunda-feira, 5 de novembro
Paula vai à escola conversar com Helena. Em conversa com Valéria, Helena afirma que a conhece e tem algo incomodando a menina. Helena pergunta se Valéria conseguiu fazer as pazes com Suzana. Olívia dá a notícia a Suzana que ela será a titular do quarto ano. Paula confessa a Helena que está preocupada com o comportamento de Cirilo. Helena diz a Paula que vai conversar com Cirilo e tentar descobrir o que se passa. Paula agradece a intenção de Helena. Durante a aula, Adriano conta a Helena que Suzana pegava seu caderno quando se comportava mal, pegava também a faixa de Kokimoto. Maria Joaquina conta que Suzana fazia os alunos fazerem exercícios extras quando se comportavam mal. Helena fica pensativa. Helena comenta com Suzana que Valéria anda triste e calada e pergunta se ela e a garota se desentenderam. Helena pergunta o que Suzana disse a Valéria. Suzana afirma que Valéria não vai com sua cara e ela não pode fazer nada. Helena comenta com Cirilo que seus pais estão preocupados com o sumiço das economias. Helena pergunta ao menino com o que ele gastou o dinheiro. Cirilo conta que comprou um tônico de Mário e Paulo para ficar mais bonito para Maria Joaquina. Cirilo começa a contar toda a verdade a Helena. Em casa, Paula está aflita para saber o que aconteceu com Cirilo. A pedido de Helena, Firmino vai chamar Paulo e Mário num parque perto da Escola Mundial. Helena conversa com Mário e Paulo e pede que os garotos falem a verdade. Paulo e Mário confessam a traquinagem que fizeram com Cirilo.

Capítulo 63 – Terça-feira, 6 de novembro
Helena pergunta aos garotos com quem está as economias de Cirilo. Helena afirma aos garotos que vai falar com os pais deles. Cirilo está com receio de que seus pais briguem com ele. Cirilo chega em casa e diz aos pais que Helena quer conversar com eles. Carmen conta aos pais que Paulo e Mário fizeram maldade com Cirilo. Frederico revela a Inês que está triste, pois vai aceitar a oferta de trabalho fora da cidade. Inês diz a Frederico que Carmen não pode viver sem o pai. Frederico afirma estar passando por um momento difícil e pede ajuda a Inês. Em sua casa, Cirilo lembra das humilhações que Maria Joaquina o fez passar. Em casa, Paulo discute com Marcelina por conta do videogame. A mãe tenta tranquilizar o ânimo dos dois. No dia seguinte, Paulo diz a Helena que os pais dele e de Mário são muitos ocupados, não podem ir conversar com ela. Lilian e Roberto, pais de Paulo, conversam sobre o mal comportamento do filho, pensam na possibilidade de colocá-lo num colégio interno ou arrumar um psicólogo. Suzana diz a Olívia que Valéria manipulou Helena e os alunos contra ela. Suzana aconselha Olívia a ficar de olho em Valéria, pois a menina pode inventar mentiras e fofocas sobre a diretora. Olívia afirma que vai tomar as devidas providências contra Valéria.

Capítulo 64 – Quarta-feira, 7 de novembro
Mário e Paulo ficam de castigo durante o recreio. Paulo diz que não vai falar para seu pai vir à escola. Laura fala que está sentindo dó de Mário e Paulo, ao vê-los de castigo. José vai conversar com Helena na escola. Paulo e Mário ficam tensos ao ver Helena e José conversando. Helena afirma a José que Cirilo é tão bom, que é ingênuo e cai nas brincadeiras dos colegas. Valéria imagina que é a Bela Adormecida, ganha um beijo de Davi e acorda. José conta a Helena que Cirilo andava muito estranho. Helena revela que os alunos falaram sobre um tônico embelezador que o ajudaria a conquistar Maria Joaquina. José pergunta se os colegas foram preconceituosos com seu filho e fica preocupado com a ingenuidade do garoto. Suzana vai até a sala de música e comenta com Matilde que Valéria é uma aluna muito difícil. Suzana afirma que todas as travessuras que Mário apronta saem da cabeça de Valéria. Suzana afirma que seria bom Valéria ser expulsa da escola. Suzana insinua que foi Valéria que colocou os bichos na sala de música de Matilde. Suzana e Matilde procuram Valéria pelo pátio, pois querem pegá-la no flagra. Inês conta a Carmen que Frederico vai ser transferido para outra cidade. Valéria e Bibi arquitetam plano para atrapalhar o jogo dos meninos. Suzana leva uma bolada na cabeça e cai no pátio. Carmen pergunta a Inês por que elas não vão se mudar com o pai. A menina pergunta quanto tempo vai ficar sem ver o pai. Inês revela que um ano. Firmino ajuda Suzana a se levantar, ela está com dor de cabeça. Olívia chega ao pátio e pergunta o que aconteceu. A diretora acusa Valéria de ser a culpada. Olívia pede para Valéria acompanhá-la até a diretoria. Firmino vai contar a Helena que Olívia levou Valéria para a diretoria. Olívia pergunta a Valéria se foi ela quem atirou a bola na professora Suzana. Valéria tenta se defender.

Capítulo 65 – Quinta-feira, 8 de novembro
Helena pergunta a Olívia se ela tem provas contra Valéria. Olívia afirma que Valéria está sempre metida em confusões. Bibi, Laura e Marcelina vão testemunhar a favor de Valéria. As meninas contam que Valéria estava procurando o brinco que havia perdido no pátio. Cirilo pergunta a Helena como foi a conversa com seu pai. Helena afirma ao garoto que já foi tudo resolvido. José comenta com Paula que Cirilo é um garoto muito ingênuo. Paula pergunta quem fez a brincadeira com Cirilo. José afirma que foram Paulo e Mário, mas os dois já foram punidos. Cirilo pede para Helena perdoar Paulo e Mário. Helena chama os garotos para uma conversa e afirma que Cirilo pediu que ela os perdoasse. Helena afirma a Paulo e Mário que não vai mais permitir que os dois prejudiquem a auto-estima de Cirilo. Carmen está triste e revela a Firmino que seu pai vai trabalhar em outra cidade. Suzana afirma a Olívia que foi Valéria quem planejou o incidente no pátio. Olívia afirma a Suzana que se ela não pegar Valéria em flagrante não poderá fazer nada. Inês comenta com Frederico que Carmen ficou arrasada ao saber que o pai vai para outra cidade. Frederico conta que partirá no dia seguinte. Carmen comenta com Helena que não conseguiu terminar o exercício. Helena diz a garota que não gosta de vê-la triste. Carmen conta à professora que seu pai vai ser mandado para outra cidade. Carmen pede para Helena ajudar seu pai. A pedido de Helena, Mário e Paulo ajudam Graça na cantina. Paulo e Mário chegam à sala de toca e todos começam a rir. Suzana conta a Matilde que conversou com Olívia, que disse que tem que pegar Valéria em flagrante. Laura e Alícia decidem montar uma barraca de limonada na praça para ajudar Carmen, que agradece às amigas pela iniciativa.

Capítulo 66 – Sexta-feira, 9 de novembro
Preocupada, Helena conta à mãe que o pai de Carmen vai morar em outra cidade por conta do trabalho. Helena pensa na possibilidade de Sr. Morales ajudar o pai de Carmen. Laura, Alícia e Carmen começam a vender limonada na barraca. Carmen chega em casa com parte do dinheiro da limonada que vendeu. Helena comenta com Cris que Sr. Morales tem muitos contatos, pode ajudar Frederico. Cris diz à filha que ela não pode resolver o problema de todos. Alícia começa a vender limonada pelo bairro de skate. Helena decide ir ao escritório de Sr. Morales para pedir ajuda. Com a venda da limonada, as crianças conseguem juntar R$ 27 reais para ajudar o pai de Carmen. Helena chega à empresa de Sr. Morales. Os alunos vão a reunião na casa abandonada para discutir sobre a situação de Carmen. A secretária de Sr. Morales afirma a Helena que o executivo não está recebendo ninguém. Valéria desafia Paulo a andar de sapato de salto alto. Os meninos desafiam as meninas a fazerem embaixadinha. Helena pede para a secretária de Sr. Morales dizer que ela é a professora da Escola Mundial. Alícia faz as embaixadinhas com salto alto e os meninos ficam boquiabertos.